Blogs DIREITO / EXAME DA OAB

Exame de Ordem: Estudando para a Peça prático-profissional!

16/08/2017 10:39:03

Escada

Uma dúvida constante dos examinandos durante a preparação para a 2ª etapa do exame de ordem é justamente a quantidade de peças que deverá fazer por semana nesse processo de treinamento.  Qual seria a quantidade ideal?

Quem já vem estudando há algum tempo pode entender, ao longo do processo de preparação, que já esgotou todo o conteúdo e já estaria pronto para a prova.

Talvez sim, talvez não.

O que seria, inclusive, “estar pronto” para a prova?

Acredito que é impossível se achar 100% pronto para fazer a prova, mas, em regra, quem se acha pronto vai para a prova seguro, confiante. Seria a constatação emocional de uma percepção técnica.
Estar pronto mesmo envolve, por assim dizer, o domínio de TRÊS habilidades técnicas:

1 – Segurança na elaboração de TODAS as peças práticas da área;

2 – Segurança quanto ao domínio do vade mecum;

3 – Ter um bom domínio do Direito Material.

Ter um bom domínio do Direito Material é um desdobramento do domínio do vade mecum. É importante conhecer o seu material, durante seus estudos para o exame utilizá-lo com frequência,  sem qualquer parcimônia. A consulta deverá ser permanentemente.
E esse domínio também é adquirido pela simples prática, consequência do conteúdo assimilado nas aulas e na leitura do material didático.

Evidentemente,  o examinando deverá ter a noção que NÃO basta somente acompanhar as aulas e fazer o que o professor pede. Isso é tão somente exercer uma auto-limitação.
É preciso ir além, querer mais, buscar, exatamente, uma preparação extra que assegure uma excelente confiança no dia da prova.

Afora o estudo convencional, no curso, no mínimo, como atividade extra (Ou seja, além daquilo pedido pelo seu professor) o examinando precisa resolver por conta própria de 5 a 7 peças práticas por semana para, efetivamente, construir com consistência sua preparação e a sua confiança, derivada, exatamente, de uma boa preparação.
De 5 a 7 peças por semana? Não seria demais?”

Tudo depende do ponto de vista. Talvez uns achem que mais peças precisam ser resolvidas. Outros, de menos. Creio que, durante o curto período de preparação, um esforço extra precisa ser empregado para a aprovação ficar bem mais próxima.
Mais deve ser feito, independentemente das aulas, simulados e peças passados pelo professor. De 5 a 7 peças semanais, ao meu ver, feitas como “extras”, seria um volume adequado para o examinando.

E onde buscar o material extra para estudar?

Em primeiro lugar, nos livros de 2ª fase que existem no mercado, não só do seu professor de curso, se for o caso, como também o de outros professores, com materiais distinto daquele que você está estudando. Talvez seu professor não fique exatamente feliz com isso, mas seu compromisso não é com ele, mas sim consigo mesmo. Seu professor orienta e você estuda, pegando todo o material disponível para poder incrementar sua preparação.

Também de forma acessível, é possível buscar as provas anteriores na web, podem inclusive conferir no link.

Recomendo ainda que pesquisem nos endereços do Tribunais Superiores, teses e questões a serem trabalhadas. Leiam acórdãos em sua integra, uma vez que poderá representar uma pequena aula sobre determinada matéria.

Ainda, para contribuir mais ainda com os seus estudos observem o histórico das peças prático profissionais cobradas nos últimos exames:

Direito Administrativo

XXII Exame de Ordem – FGV – Recurso de Apelação

XXI Exame de Ordem – FGV – Apelação em Mandado de Segurança

XX Exame de Ordem – FGV – Apelação

XIX Exame de Ordem – FGV – Petição Inicial de Ação de Rito Ordinário

XVIII Exame de Ordem – FGV – Mandado de Segurança com pedido de liminar

XVII Exame de Ordem – FGV – Ação Ordinária com pedido de Antecipação dos Efeitos da Tutela

XVI Exame de Ordem – FGV – Ação de conhecimento com pedido de antecipação dos efeitos da tutela jurisdicional

XV Exame de Ordem – FGV – Ação Popular

XIV Exame de Ordem – FGV – Mandado de Segurança com Pedido Liminar

XIII Exame de Ordem – FGV – Apelação

XII Exame de Ordem – FGV – Recurso Ordinário Constitucional e Apelação (A apelação por conta das falhas na errata)

XI Exame de Ordem – FGV – Petição Inicial de ação de rito ordinário

X Exame de Ordem – FGV – Contestação

IX Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação Ordinária com pedido de reintegração do servidor

VIII Exame de Ordem Unificado – FGV – Agravo de Instrumento

VII Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação Popular

VI Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação de desapropriação indireta ou Ação ordinária de indenização por apossamento administrativo

V Exame de Ordem Unificado – FGV – Mandado de Segurança contra ato do Governador

IV Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação de Responsabilidade Civil / Ação Indenizatória pelo rito ordinário em face da União Federal

2010.3 (FGV) – Peça Contestatória (artigo 17, §9º, da Lei 8.429/92)

2010.2 (FGV) – Petição Inicial de Ação Ordinária de Indenização por danos morais e materiais contra o município

2010.1 (Cespe/UnB) – Mandado de Segurança com pedido liminar

2009.3 (Cespe/UnB) – Impetração de mandado de segurança junto ao Superior Tribunal de Justiça ou Ajuizamento de ação sob o rito ordinário com pedido de tutela antecipada perante a justiça federal

2009.2 (Cespe/UnB) – Apelação

2009.1 (Cespe/UnB) – Mandado de Segurança com pedido de liminar impetrado no STF

2008.3 (Cespe/UnB) – Recurso Ordinário em Mandado de Segurança

2008.2 (Cespe/UnB) –Ação de anulação de ato administrativo cumulada com obrigação de fazer e com pedido de antecipação de tutela

2008.1 (Cespe/UnB) – Habeas Data

2007.3 (Cespe/UnB) – Mandado de segurança com pedido de liminar

2007.2 (Cespe/UnB) – Ação popular

2007.1 (Cespe/UnB) – Ação de indenização por desapropriação indireta

Direito Civil

XXII Exame de Ordem – FGV – Agravo de Instrumento

XXI Exame de Ordem – FGV – Recurso de apelação

XX Exame de Ordem – FGV – Agravo de Instrumento

XIX Exame de Ordem – FGV – Apelação

XVIII Exame de Ordem – FGV – Embargos de Terceiro

XVII Exame de Ordem – FGV – Ação de Consignação em Pagamento

XVI Exame de Ordem – FGV – Contestação

XV Exame de Ordem – FGV – Recurso Especial

XIV Exame de Ordem – FGV – Agravo de Instrumento

XIII Exame de Ordem – FGV – Ação de obrigação de fazer com pedido de tutela antecipada

XII Exame de Ordem – FGV – Ação de Interdição com Pedido de Antecipação de Tutela

XI Exame de Ordem – FGV – Ação de despejo com pedido de antecipação de tutela

X Exame de Ordem – FGV – Ação de embargos de terceiros

IX Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação de Alimentos gravídicos

VIII Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação de Usucapião Especial Urbano

VII Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação Declaratória de Inexistência de Débito c/c Obrigação de Fazer e Indenização por Danos Morais

VI Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação cautelar de busca e apreensão de pessoa ou Ação ordinária com pedido de tutela antecipada

V Exame de Ordem Unificado – FGV – Cautelar preparatória com pedido de concessão de medida liminar ou ação de conhecimento com pedido de concessão dos efeitos da tutela

IV Exame de Ordem Unificado – FGV – Petição Inicial de Alimentos com pedido de fixação initio litis de Alimentos Provisórios

2010.3 (FGV) – Petição Inicial direcionada para o Juízo Cível.

2010.2 (FGV) – Apelação

2010.1 (Cespe/UnB) – Réplica

2009.3 (Cespe/UnB) – Apelação

2009.2 (Cespe/UnB) – Apelação

2009.1 (Cespe/UnB) – Apelação

2008.3 (Cespe/UnB) – Apelação

2008.2 (Cespe/UnB) – Ação de indenização por danos morais e materiais cumulada com ação de alimentos pelo rito ordinário

2008.1 (Cespe/UnB) – Ação de investigação de paternidade cumulada com pedido liminar de alimentos provisionais

2007.3 (Cespe/UnB) – Ação de Indenização por Dano Material

2007.2 (Cespe/UnB) – Ação de reconhecimento e dissolução de sociedade de fato e partilha de bens

2007.1 (Cespe/UnB) – Ação de cobrança de encargos condominiais e acessórios

Direito Constitucional

XXII Exame de Ordem – FGV – Mandado de Injunção Coletivo

XXI Exame de Ordem – FGV – Ação Civil Pública

XX Exame de Ordem – FGV – Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental

XIX Exame de Ordem – FGV – Ação Direta de Inconstitucionalidade por omissão

XVIII Exame de Ordem – FGV – Ação popular

XVII Exame de Ordem – FGV – Ação Direta de Inconstitucionalidade

XVI Exame de Ordem – FGV – Ação Direta de Inconstitucionalidade

XV Exame de Ordem – FGV – Mandado de Segurança com pedido de liminar

XIV Exame de Ordem – FGV – Recurso Ordinário Constitucional em MS para o STF

XIII Exame de Ordem – FGV – Adin

XII Exame de Ordem – FGV – Recurso Extraordinário

XI Exame de Ordem – FGV – Mandado de Segurança

X Exame de Ordem – FGV – Recurso Extraordinário

IX Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação Ordinária (dúvida sobre o cabimento de Mandado de Segurança)

VIII Exame de Ordem Unificado – FGV – Recurso Extraordinário

VII Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação Direta de Inconstitucionalidade

VI Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação Popular

V Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação Ordinária com pedido de tutela antecipada ou mandado de segurança com pedido de liminar (são duas repostas por conta de uma falha grotesca no enunciado e muitas reclamações dos candidatos)

IV Exame de Ordem Unificado – FGV – Recurso ordinário em mandado de segurança (CF, Art. 105, II, b) de competência do STJ

2010.3 (FGV) – Habeas-data

2010.2 (FGV) – Mandado de Segurança com pedido liminar

2010.1 (Cespe/UnB) – Mandado de Segurança Coletivo com pedido liminar

2009.3 (Cespe/UnB) – Ação popular com pedido liminar

2009.2 (Cespe/UnB) – Ação popular com pedido liminar

2009.1 (Cespe/UnB) – Mandado de Segurança com pedido liminar

2008.3 (Cespe/UnB) – Mandado de Injunção

2008.2 (Cespe/UnB) – Ação Direta de Inconstitucionalidade

2008.1 (Cespe/UnB) – Mandado de Segurança

2007.3 (Cespe/UnB) – Reclamação Constitucional com pedido liminar

2007.2 (Cespe/UnB) – Mandado de Segurança preventivo coletivo

2007.1 (Cespe/UnB) – Habeas Corpus

Direito Empresarial

XXII Exame de Ordem – FGV – Ação de Dissolução Parcial

XXI Exame de Ordem – FGV – Ação Monitória

XX Exame de Ordem – FGV – Ação Renovatória

XIX Exame de Ordem – FGV – Pedido de recuperação judicial

XVIII Exame de Ordem – FGV – Apelação

XVII Exame de Ordem – FGV – Pedido (ou Requerimento) de Extinção das Obrigações do Falido

XVI Exame de Ordem – FGV – Pedido de Falência ou Ação de Execução por Título Extrajudicial

XV Exame de Ordem – FGV – Ação de prestação de contas

XIV Exame de Ordem – FGV – Ação de Execução

XIII Exame de Ordem – FGV – Contestação ao Requerimento de Falência

XII Exame de Ordem – FGV – Ação de Dissolução Parcial de Sociedade

XI Exame de Ordem – FGV – Recurso Especial

X Exame de Ordem – FGV – Ação de Restituição

IX Exame de Ordem Unificado – FGV – Agravo de Instrumento (dúvida quanto ao cabimento de apelação)

VIII Exame de Ordem Unificado – FGV – Habilitação de Crédito Retardatária, com fundamento no art. 10, caput, da Lei 11.101/05 ou Impugnação à relação de credores

VII Exame de Ordem Unificado – FGV – Execução de título judicial

VI Exame de Ordem Unificado – FGV – Contestação

V Exame de Ordem Unificado – FGV – Réplica (A réplica sequer estava prevista no edital. Após uma boa polêmica, agora está)

IV Exame de Ordem Unificado – FGV – Petição Inicial relativa à ação de execução

2010.3 (FGV) – Habilitação de Crédito Retardatária, Artigo 9º e § 4º do artigo 10 – Lei 11.101/2005, procuração, CPC e estatuto da OAB.

2010.2 (FGV) – Petição inicial de ação ordinária, com fundamento no artigo 1.013, § 2º do Código Civil

2010.1 (Cespe/UnB) – Ação Renovatória de locação

2009.3 (Cespe/UnB) – Embargos de terceiros

2009.2 (Cespe/UnB) – Ação revocatória

2009.1 (Cespe/UnB) – Ação monitória

2008.3 (Cespe/UnB) – Réplica à Contestação

2008.2 (Cespe/UnB) – Agravo de instrumento com pedido de efeito suspensivo

2008.1 (Cespe/UnB) – Ação cautelar inominada de sustação de protesto com pedido de liminar

2007.3 (Cespe/UnB) – Contestação

2007.2 (Cespe/UnB) – Ação de dissolução de sociedade

2007.1 (Cespe/UnB) – Ação condenatória de obrigação de não fazer cumulada com perdas e danos

Direito Penal

XXII Exame de Ordem – FGV – Recurso de Apelação

XXI Exame de Ordem – FGV –  Resposta à Acusação

XX Exame de Ordem – FGV – Aelgações finais por memoriais

XIX Exame de Ordem – FGV – Contrarrazões de apelação

XVIII Exame de Ordem – FGV – Recurso de apelação

XVII Exame de Ordem – FGV – Alegações Finais por Memoriais

XVI Exame de Ordem – FGV – Agravo em Execução

XV Exame de Ordem – FGV – Queixa Crime

XIV Exame de Ordem – FGV – Memoriais Finais

XIII Exame de Ordem – FGV – Recurso de apelação, com fundamento no artigo 593, I do CPP

XII Exame de Ordem – FGV – Apelação – 593, I, CPP

XI Exame de Ordem – FGV – Recurso em sentido estrito

X Exame de Ordem – FGV – Revisão Criminal e Justificação

IX Exame de Ordem Unificado – FGV – Memoriais

VIII Exame de Ordem Unificado – FGV – Resposta à acusação, prevista no artigo 396 do CPP (e/ou art. 396-A do CPP)

VII Exame de Ordem Unificado – FGV – Apelação como assistente da acusação

VI Exame de Ordem Unificado – FGV – Petição de relaxamento de prisão, fundamentado no art. 5º, LXV, da CRFB/88, ou art. 310, I, do CPP

V Exame de Ordem Unificado – FGV – Apelação, com fundamento no Art. 593, I, do CPP.

IV Exame de Ordem Unificado – FGV – Apelação, com fundamento no artigo 593, I, do Código de Processo Penal

2010.3 (FGV) – Recurso em Sentido Estrito, na forma do art. 581, IV, do Código de Processo Penal

2010.2 (FGV) – Resposta à Acusação, artigos 396 e/ou 396-A ou “Defesa Previa”, “Defesa Preliminar” e “Resposta Preliminar” fundamentadas nos artigos 396 e/ou 396-A

2010.1 (Cespe/UnB) – Memoriais ao juiz do tribunal do júri

2009.3 (Cespe/UnB) – Queixa-Crime

2009.2 (Cespe/UnB) – Memoriais

2009.1 (Cespe/UnB) – Recurso em sentido estrito

2008.3 (Cespe/UnB) – Resposta à Acusação

2008.2 (Cespe/UnB) – Apelação

2008.1 (Cespe/UnB) – Memoriais

2007.3 (Cespe/UnB) – Memoriais

2007.2 (Cespe/UnB) – Recurso de Apelação

2007.1 (Cespe/UnB) – Recurso Ordinário Constitucional

Direito do Trabalho

XXII Exame de Ordem – FGV – Reclamação Trabalhista

XXI Exame de Ordem – FGV –  Recurso Ordinário

XX Exame de Ordem – FGV – Reclamação Trabalhista

XIX Exame de Ordem – FGV – Recurso Ordinário

XVIII Exame de Ordem – FGV – Contestação

XVII Exame de Ordem – FGV – Contestação

XVI Exame de Ordem – FGV – Recurso Ordinário

XV Exame de Ordem – FGV – Recurso Ordinário

XIV Exame de Ordem – FGV – Reclamação Trabalhista

XIII Exame de Ordem – FGV – Embargos de terceiro e Embargos à Execução

XII Exame de Ordem – FGV – Reclamação Trabalhista

XI Exame de Ordem – FGV – Contestação

X Exame de Ordem – FGV – Ação de Consignação em Pagamento

IX Exame de Ordem Unificado – FGV – Recurso Ordinário

VIII Exame de Ordem Unificado – FGV – Contestação

VII Exame de Ordem Unificado – FGV – Recurso Ordinário

VI Exame de Ordem Unificado – FGV – Contestação

V Exame de Ordem Unificado – FGV – Contestação

IV Exame de Ordem Unificado – FGV – Contestação

2010.3 (FGV) – Recurso Ordinário

2010.2 (FGV) – Contestação

2010.1 (Cespe/UnB) – Contestação

2009.3 (Cespe/UnB) – Reclamação trabalhista sob o rito ordinário

2009.2 (Cespe/UnB)– Opção 1: Ação de consignação em pagamento endereçada ao juiz do trabalho

Opção 2: Reclamação Trabalhista cumulada com pedido de consignação em pagamento

2009.1 (Cespe/UnB) – Recurso Ordinário

2008.3 (Cespe/UnB) – Reclamação Trabalhista cumulada com pedido de Indenização por Danos Morais

2008.2 (Cespe/UnB) – Contestação

2008.1 (Cespe/UnB) – Contestação

2007.3 (Cespe/UnB) – Contestação

2007.2 (Cespe/UnB) – Reclamação trabalhista

2007.1 (Cespe/UnB) – Contestação

Direito Tributário

XXII Exame de Ordem – FGV – Embargos à Execução

XXI Exame de Ordem – FGV –  Ação de Repetição de Indébito

XX Exame de Ordem – FGV – Embargo à Execução

XIX Exame de Ordem – FGV – Mandado de Segurança com Pedido Liminar

XVIII Exame de Ordem – FGV – Agravo do art. 557, § 1º, do CPC

XVII Exame de Ordem – FGV – Agravo de Instrumento

XVI Exame de Ordem – FGV – Apelação

XV Exame de Ordem – FGV – Exceção de pré-executividade

XIV Exame de Ordem – FGV – Mandado de Segurança Preventivo com Pedido Liminar

XIII Exame de Ordem – FGV – Exceção de pré-executividade

XII Exame de Ordem – FGV – Agravo de Instrumento

XI Exame de Ordem – FGV – Mandado de segurança com pedido de liminar

X Exame de Ordem – FGV – Agravo de Instrumento, Apelação, Recurso Inominado, Ação de Repetição de Indébito, Mandado de Segurança com Pedido de Liminar, Ação Anulatória e Ação Declaratória de Inexistência de Relação Jurídica (caso totalmente atípico!)

IX Exame de Ordem Unificado – FGV – Mandado de Segurança

VIII Exame de Ordem Unificado – FGV – Agravo de Instrumento

VII Exame de Ordem Unificado – FGV – Mandado de segurança com pedido de liminar

VI Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação de repetição de indébito

V Exame de Ordem Unificado – FGV – Ação de consignação em pagamento com previsão no Art. 164, I, do CTN.

IV Exame de Ordem Unificado – FGV – Cabível o mandado de segurança com pedido de liminar, ante o abuso de poder da autoridade coatora. Cabível igualmente ação anulatória com pedido de antecipação de tutela.

2010.3 (FGV) – Embargos à Execução Fiscal

2010.2 (FGV) – Embargos à Execução Fiscal

2010.1 (Cespe/UnB) – Ação Declaratória de inexistência de relação jurídico-tributária cumulada com Ação de Repetição de Indébito e pedido de antecipação de tutela

2009.3 (Cespe/UnB)– Opção 1: Impetração de Mandado de Segurança endereçado à Vara da Fazenda Pública do Estado de São Paulo

Opção 2: Ajuizamento de ação ordinária com pedido de tutela antecipada endereçado à Vara da Fazenda Pública do Estado de São Paulo

2009.2 (Cespe/UnB) – Ação anulatória de lançamento tributário

2009.1 (Cespe/UnB) – Ação de repetição de indébito cumulada com Ação Declaratória de inexistência de relação jurídico-tributária

2008.3 (Cespe/UnB) – Ação anulatória de lançamento tributário com pedido de tutela antecipada

2008.2 (Cespe/UnB) – Ação Declaratória de inexistência de relação jurídico-tributária com pedido de tutela antecipada

2008.1 (Cespe/UnB) – Ação Declaratória de inexistência de relação jurídico-tributária cumulada com repetição de indébito e com pedido de tutela antecipada

2007.3 (Cespe/UnB) – Contestação

2007.2 (Cespe/UnB) – Ação Declaratória de inexistência de relação jurídico-tributária cumulada com repetição de indébito

2007.1 (Cespe/UnB) – Ação Declaratória de inexistência de relação jurídico-tributária cumulada com repetição de indébito

Lembre-se, a preparação para a 2ª etapa não deverá ser restrita a sala de aula, àquilo que o professor ministra em cursos preparatórios. O examinando deverá ir além! Estudar em casa, dedicar-se. Tenho certeza que vai valer a pena.

 

Comentários