Blogs CULTURA
Carlos Ávila
É poeta e jornalista. Publicou, entre outros, Bissexto Sentido e Área de Risco (poesia); Poesia Pensada (crítica) e Bri Bri no canto do parque (infantil). Foi, por quatro anos (1995/98), editor do “Suplemento Literário de Minas Gerais”. Trabalhou também na Rede Minas de Televisão e foi editor do caderno de cultura do jornal “Hoje em Dia”. Participou de mais de vinte antologias no país e no exterior.

Aforismos de Mozart

01/02/2017 06:00:37

Por Carlos Ávila São impressionantes a precocidade e a genialidade! Mozart, sim – Wolfgang Amadeus Mozart (1756/1791); “o produto extremo de uma civilização refinada” (segundo o mozartiano Murilo Mendes). Mozart, um dos maiores músicos de todos os tempos, ao lado de Bach e Beethoven (tríade musical incontornável – base para o desenvolvimento da música tonal […]

Leia Mais...




O laboratório do escritor

25/01/2017 06:00:54

Por Carlos Ávila A recente morte do escritor argentino Ricardo Piglia (1941/2017) me levou a rever o seu fundamental “O laboratório do escritor” (lançado no Brasil em 1994, em tradução da competente Josely Vianna Baptista, que tantos serviços vem prestando à nossa literatura, traduzindo importantes autores latino-americanos – além de Piglia, também Lezama Lima e […]

Leia Mais...




Poesia com coisas

18/01/2017 06:00:02

Por Carlos Ávila Poesia com coisas: alfinete, bicicleta, cadeira, dado, espelho, fósforos, guarda-chuva, janela, lápis, martelo, navio, óculos, parafuso, relógio, sapato, tesoura, vassoura, xícara, zíper etc. etc. Isso é o que nos apresenta o poeta Eucanaã Ferraz no seu delicioso e divertido livro infantojuvenil “Cada coisa” (SP, Companhia das Letrinhas, 2016). A poesia para crianças […]

Leia Mais...




Memórias da titia do rock

11/01/2017 06:00:59

Por Carlos Ávila “Há muito tempo uma mulher sentou-se e leu na bola de cristal/que uma menina loira ia vir de uma cidade industrial/de bicicleta, de bermuda, mutante, bonita/solta, decidida, cheia de vida etc e tal/cantando o yê, yê, yê, yê, yê, yê, yê…” – assim Gilberto Gil definiu numa canção a eterna mutante Rita […]

Leia Mais...




Um Quixote em Ouro Preto

04/01/2017 06:00:09

Por Carlos Ávila Na linha dos trabalhos realizados por Manuel Bandeira (“Guia de Ouro Preto”) e Lúcia Machado de Almeida (“Passeio a Ouro Preto”), Fritz Teixeira de Salles (1917/1981) escreveu “Vila Rica do Pilar (Um roteiro de Ouro Preto)” – publicado em 1965 pela Ed. Itatiaia, de BH. Com capa e ilustrações de Haroldo Mattos, […]

Leia Mais...




Mutações da literatura

28/12/2016 06:00:04

Por Carlos Ávila A ensaísta Leyla Perrone-Moisés – também professora emérita da USP, que deu aulas na Universidade de Montreal, na Sorbonne e na Yale University – é, sem sombra de dúvida, uma das mais lúcidas vozes da crítica brasileira. Seu último livro, “Mutações da literatura no século XXI”, lançado este ano pela Companhia das […]

Leia Mais...




100 anos de samba

21/12/2016 06:00:11

Por Carlos Ávila Para falar sobre os 100 anos do samba, o colunista convidou Téo (Oliveira Santos) – músico/compositor, produtor musical e diretor teatral, 62 anos, carioca que viveu em Minas de 1960 até 70, quando voltou ao Rio. Téo tocou com Cartola, Nelson Cavaquinho, Beth Carvalho, Roberto Ribeiro, Elton Medeiros, João Nogueira e Fátima […]

Leia Mais...




Adeus a Gullar

14/12/2016 08:19:45

Por Carlos Ávila “A morte/não tem falta de sentido/não tem vontade de morrer/não tem desejos/aflições/o vazio vazio da vida”. Assim, o recém-falecido Ferreira Gullar (1930/2016) – um materialista convicto, ex-marxista – definiu a morte, no seu (salvo engano nosso) último livro de poemas, “Em alguma parte alguma”. A morte de Gullar é a morte da […]

Leia Mais...




Cinema (ainda) novo

07/12/2016 06:00:07

Por Carlos Ávila Era outro país… O Brasil do interregno democrático – entre a ditadura getulista e a ditadura de 64. A arquitetura de Niemeyer e Lucio Costa; o concretismo e o neoconcretismo na poesia e nas artes plásticas; a reforma gráfica do JB por Amilcar de Castro e a afirmação inicial do nosso design […]

Leia Mais...




Taquicardias

30/11/2016 06:00:21

Por Carlos Ávila Uma exposição de livros e poemas-cartazes que fica até o dia 12/12 no Conservatório Mineiro, no centro de BH, comemora os 30 anos de lançamento da antologia “Taquicardias” (Ed. Dubolso) que reuniu 23 poetas nos anos 1980. A mostra integra o evento “O que é um livro? Resistências” da Faculdade de Letras/UFMG. […]

Leia Mais...