Chevrolet Cruze 2019: versão reestilizada do sedã foi apresentada nos EUA e chega ao Brasil no próximo ano.

General Motors anuncia 20 lançamentos para o Mercosul até 2022

Marca americana vai renovar completamente sua gama de veículos no continente, com novas gerações e produtos inéditos

Chevrolet Cruze 2019: versão reestilizada do sedã foi apresentada nos EUA e chega ao Brasil no próximo ano.
Chevrolet Cruze 2019: versão reestilizada do sedã foi apresentada nos EUA e chega ao Brasil no próximo ano.

Por Thiago Ventura

A americana General Motors anunciou nesta semana que vai  lançar 20 novos veículos no Mercosul até 2022. Objetivo é manter a liderança em mercados como o Brasil, renovando completamente sua gama.

A General Motors não confirmou quais serão os modelos, mas já temos alguns candidatos. A Chevrolet deve oferecer novas gerações de Onix e Prisma, além um SUV compacto abaixo do Tracker. Também são esperados substitutos da Spin, do Cruze e da S10.

O Cruze com visual renovado já foi revelado nos EUA e deve chegar aqui em 2019.  Outro modelo que deve chegar no ano que vem será o elétrico Bolt, exibido no Salão do Automóvel de São Paulo em 2016.

Bolt será uma das novidades no Mercosul. Em 2017, foram vendidas mais de 22.000 unidades do elétrico foram vendidas nos EUA.
Bolt será uma das novidades no Mercosul. Em 2017, foram vendidas mais de 22.000 unidades do elétrico foram vendidas nos EUA.

“Esta é a maior renovação da linha Chevrolet na história da marca na região, reforçando o nosso compromisso em colocar o cliente no centro de tudo o que fazemos. Os novos produtos vão surpreender o mercado com conteúdo e tecnologias inéditas”, diz Carlos Zarlenga, presidente da GM Mercosul.

Alguns dos novos modelos no continente serão construídos a partir da nova plataforma GEM (Global Emerging Market). Essa plataforma foi criada em parceria com a chinesa SAIC. Será a base para a nova geração de Onix, Prisma, Cobalt, Spin e de um novo SUV compacto no lugar do Tracker