Blog DIREITO / EXAME DA OAB

Exame de Ordem: Treinando para a segunda etapa!

05/12/2016 11:00:32

Arnold-Schwarzenegger-treino

É hora de prepara-se para a segunda etapa do Exame de Ordem! E duas perguntas corriqueiras não deixam de surgir.  A primeira é se vale a pena entrar em algum cursinho? A segunda é como estudar para segunda etapa?

Quanto a primeira pergunta a resposta é simples, vale sim a pena buscar algum cursinho, porém ele não poderá ser o único meio a ser utilizado pelo examinando! Há a necessidade de estudar em casa, no ônibus,  durante os fins de semana! Treinar! Treinar muito mesmo.

Bom, agora partimos para segunda pergunta!

Minha recomendação é muito treino, isso mesmo treino!Pode parecer estranho porque falo em treinar e não estudar, mas eu explico: Quando falo em treinamento estou dizendo que é para abordarmos questões básicas, fundamentais, elementares, essenciais para melhorar o aproveitamento de seus estudos.

Vale lembrar, antes de tudo que no treinamento o examinando deverá simular as condições reais da segunda etapa, desde as questões, buscando provas anteriores em páginas na web, por exemplo, até o tempo de prova, assim marque em um relógio o início e o fim de seu simulado.

Mas esses são apenas conselhos básicos, para melhorar o treinamento e os estudos há algumas regras que devem ser observadas.

1-      Faça a redação de sua peça e das questões de seu simulado sempre manualmente.

A regra é clara, evite digitar as repostas, o ideal é que quando estudar em casa faça tudo manualmente, todas as respostas das perguntas abertas bem como a peça prática profissional usem papel e caneta, em primeiro lugar porque a percepção sua de tempo será bem diferente, o exame de ordem é manual e não digitado em algum computador. Em segundo e talvez mais importante ainda, tenho por mim que o fato de escrever manualmente as repostas e petição força o examinando a estudar mais a matéria, pois o tempo para escrever é maior e se presta muito mais atenção nas respostas.

2-      Usem sempre a folha da prova

Busquem as folhas de respostas da FGV na web, treinando no mesmo número de linhas, espaço e números de folhas que estarão disponíveis no dia do exame.

3-      Utilizem o material que será usado no dia da prova.

Essa regra é justamente para que o examinando se habitue ao seu Vade Mecum, ao material que será utilizado no dia do exame. É de extrema importância  conhecer o seu material, para não ficar perdido na hora da prova. Muitos alunos hoje em dia utilizam-se de meios eletrônicos durante as aulas, consultam  smartphones, tablets, notebooks, não tem o hábito de consultar códigos, livros, Vade Mecuns.  Assim durante a segunda etapa ficam perdidos. Despendem muito tempo a procura de artigos, de leis.

Nesse caso treine com o material que será utilizado no dia, conhecendo-o, o que certamente irá contribuir para você otimizar o seu tempo durante o exame.

4-      Estabeleçam uma rotina de redação

Durante este tempo restante para a segunda etapa treine a elaboração de peças, sistematicamente, e nessa rotina errar, cometer todos os erros possíveis para saná-los. Resolva o maior número de peças e exercícios durante sua preparação, observando suas limitações e limando os equívocos, compreendendo a sistemática da estruturação das peças e mesmo a lógica da redação.

Com esse treinamento, observando essas “regras básicas” acreditem! A possibilidade de sucesso na segunda etapa crescerá exponencialmente.

Comentários