;
Religião

25/05/2017 | domtotal.com

Igreja prefigurada pelo templo

Somos chamados de pedras vivas e Cristo conta conosco como protagonistas indispensáveis nessa construção espiritual, que é a Igreja.

A pedra angular é o elemento essencial da nossa razão de ser e existir, o fundamento sólido e seguro da construção.
A pedra angular é o elemento essencial da nossa razão de ser e existir, o fundamento sólido e seguro da construção. (Divulgação)

Por Geovani Saraiva*

Nas construções antigas, a pedra angular era tida como a pedra fundamental, a primeira a ser assentada na esquina de um edifício, formando um ângulo reto entre duas paredes. Ela servia para definir a colocação das outras pedras e alinhar toda a construção. O edifício, ao qual nos referimos por analogia, é Jesus Cristo, compreendido aos olhos da fé e também da razão como a pedra angular, aquela que os pedreiros rejeitaram (cf. Sl 117, 22), ao qual por inúmeras vezes o Livro Sagrado se refere.

Somos chamados de pedras vivas e Cristo conta conosco como protagonistas indispensáveis nessa construção espiritual, que é a Igreja. Como pedra viva nesse edifício espiritual, numa forte simbologia, está a utilidade das pessoas na Igreja de Cristo. Somos, portanto, a Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo, na qual a pedra angular é o elemento essencial da nossa razão de ser e existir, o fundamento sólido e seguro da construção. Urge um convencimento sempre maior de crer na Palavra de Deus, nós que temos Jesus Cristo por base e fundamento, no qual está edificada essa bela e grandiosa obra: a Igreja de Cristo.

O templo é sagrado, visto como local apropriado para o ser humano se relacionar com Deus, no seu projeto de amor e naquilo que a Igreja ensina. No Antigo Testamento temos o templo construído por Salomão como lugar por excelência de encontro com Deus. Naquele lugar santo guardava-se a Arca da Aliança, sinal claro da presença do Senhor no meio do seu povo. O maravilhoso nesse contexto indizível é perceber que o templo, que é guiado e sustentado pelo Espírito de Deus, prefigura a Igreja, a Sião ou a Jerusalém Celeste.

Como é maravilhoso pensar na Igreja, na sua índole servidora, tendo Cristo como pedra angular, e em seus seguidores como comunidade a caminho da salvação que vive da fé e da esperança, constituída de voluntários - pessoas generosas e disponíveis! Desses seguidores são exigidas renúncia e doação, e eles são voltados exclusivamente para Jesus de Nazaré, caminho, verdade e vida.

*Geovani Saraiva é pároco de Santo Afonso, Jornalista, Vice-Presidente da Previdência Sacerdotal, integra a Academia Metropolitana de Letras de Fortaleza - geovanesaraiva@gmail.com.

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas