;
Meio Ambiente

12/12/2017 | domtotal.com

Vídeo que mostra urso polar morrendo de fome repercute em todo mundo

Os ursos polares são umas das espécies mais afetadas pelas mudanças climáticas.

'É essa a cara da inanição. Os músculos atrofiam. Não há energia. É uma morte lenta e dolorosa'
'É essa a cara da inanição. Os músculos atrofiam. Não há energia. É uma morte lenta e dolorosa' (Reprodução)

O vídeo que mostra um urso polar extremamente magro, usando suas últimas forças para se locomover lentamente em busca de comida repercute em todo mundo.  As imagens foram feitas pelo feitas pelo fotógrafo Paul Nicklen, do Sea Legacy, uma organização que visa chamar atenção das pessoas para a importância de preservar os oceanos. O urso se arrastava pelas  ilhas Baffin, extremo norte do Canadá.

“Todo time do Sea Legacy foi levado às lágrimas enquanto documentava esse urso polar morrendo”, contou Paul Nicklen em sua conta no Instagram. “É uma cena devastadora que ainda me assombra, mas eu sei que precisamos compartilhar tanto as imagens bonitas quanto as de partir o coração, se quisermos romper as paredes da apatia”.

Assista:

Os ursos polares são umas das espécies mais afetadas pelas mudanças climáticas. Não é incomum que fiquem por meses sem comer durante os meses de verão, esperando que o gelo fique firme para que possam sair em busca de comida. O gelo, porém, está cada vez mais escasso. O resultado é a fome.

“É essa a cara da inanição. Os músculos atrofiam. Não há energia. É uma morte lenta e dolorosa. Quando cientistas dizem que os ursos polares estarão extintos em 100 anos, eu penso que a população global de 25 mil ursos vão morrer dessa forma”, desabafa Nicklen.



Redação Dom Total/ com informações da Revista Galileu

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas