;
Esporte Futebol Internacional

11/03/2018 | domtotal.com

Fiorentina vence 1-0 no primeiro jogo sem Astori

Antes da bola rolar, os telões do estádio mostraram uma homenagem ao zagueiro com a música 'Terra de homens', do italiano Jovanotti.

Torcida monta mosaico em homenagem ao falecido capitão Davida Astori, dia 11 de março de 2018, em Florença
Torcida monta mosaico em homenagem ao falecido capitão Davida Astori, dia 11 de março de 2018, em Florença (AFP)

Uma maré cor violeta, um estádio desolado e jogadores com o rosto marcado após uma semana dolorida: a Fiorentina (9º) disputou neste domingo, contra o lanterna Benevento, o primeiro jogo após a morte repentina do capitão Davide Astori há uma semana.

O minuto de silêncio extrapolou os 60 segundos no estádio Artemio Franchi, como se ninguém se atrevesse a interrompê-lo. E havia começado antes mesmo do árbitro iniciar a contagem.

Durante vários minutos, só foi possível escutar o cumprimento dos jogadores das duas equipes. Diante deles, crianças vestiam camisas de Cagliari e Fiorentina, os dois clubes que marcaram a carreira de Astori.

Antes da bola rolar, os telões do estádio mostraram uma homenagem ao zagueiro com a música 'Terra de homens', do italiano Jovanotti.

"Existem homens que não morrem nunca, existem história que passam para a eternidade. Boa viagem, capitão", "unidos pela eternidade", "verdadeiro capitão, um homem de outra época" eram mensagens expostas nos cartazes.

"E com o número 13, capitão para sempre, David Astori!", chamou o sistema som do estádio. Milhares de balões voaram pelo céu de Florença antes do início do jogo.

No arredores do Artemio Franchi, bandeiras, fotos, desenhos de crianças, cachecóis, camisetas e todo outro tipo de objetos lembravam Astori.

- Davide 13 -

A chuva da manhã serviu para camuflar as lágrimas. "Eles farão o que puderem, isso não tem importância. Parabéns para eles se conseguirem jogar bem, mas eu não poderia", explicou Matteo, torcedor de 30 anos.

Também foi um jogo estranho para o lanterna Benevento. Com poucas chances de se manter na elite, o técnico Roberto De Zerbi lançou na véspera: "melhor ser rebaixado amanhã do que vencer em um momento tão trágico".

No minuto 13, número da camisa de Astori, um bandeirão com as letras "Davide 13" surgiu no estádio.

A Fiorentina abriu o placar aos 25 minutos do primeiro tempo, gol do brasileiro Vitor Hugo. O zagueiro substituiu o capitão na formação da defesa da equipe, sendo titular pela primeira vez desta temporada.

Vitor Hugo, abraçado por todos companheiros, inclusive o goleiro, mostrou uma camiseta com a imagem de Astori e fez sinal de continência.

Sob a chuva, o estádio cantou "un capitano, c'è solo un capitano" (um capitão, não há mais que um capitão). Os três pontos foram o de menos.


AFP

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas