;
Esporte Futebol Mineiro

16/07/2018 | domtotal.com

Guedes posta texto exaltando o Atlético: 'Maior clube de Minas'

O artilheiro do Campeonato Brasileiro com nove gols foi negociado por 9,5 milhões de euros (R$ 41,6 milhões).

Róger Guedes deixa o Atlético depois de um excelente início de Campeonato Brasileiro.
Róger Guedes deixa o Atlético depois de um excelente início de Campeonato Brasileiro. (Bruno Cantini/CAM)

Apresentado oficialmente pelo Shandong Luneng, da China, o atacante Róger Guedes usou as redes sociais para se despedir do Brasil. Em texto publicado no Instagram, o jogador fez agradecimentos ao Atlético, Guedes posta texto exaltando o Atlético - "maior clube de Minas", segundo o atacante -, Palmeiras e Criciúma, equipes pelas quais atuou.

"Nunca é fácil dizer adeus, mas sabemos que tudo na vida é um ciclo. Fui muito feliz vestindo essa camisa do Atlético Mineiro, representando todos vocês dentro de campo. Vivi momentos maravilhosos e aprendi muito aqui. Quero agradecer a Deus primeiramente por essa oportunidade de defender o maior clube de Minas Gerais. Agradecer também a todos os meus companheiros, diretoria, comissão técnica, funcionários que foram fundamentais para eu desempenhar o meu melhor futebol. E claro, o agradecimento especial a cada um de vocês torcedores, que estiveram sempre me apoiando, passando força, empurrando nos jogos. Jamais esquecerei de vocês Massa Atleticana! Saio com o sentimento de dever cumprido e com a certeza de que o Atlético estará na minha história. Estarei sempre na torcida! Muito obrigado Clube Atlético Mineiro, Galo forte vingador!", escreveu o jogador de 21 anos.


"E por fim, quero também relembrar a importância da Sociedade Esportiva Palmeiras na minha carreira. Clube onde fiz muitos amigos, cresci como pessoa e conquistei o Campeonato Brasileiro, título mais importante da minha carreira até aqui. E também não esquecer das minhas origens e do Criciúma, equipe que abriu as portas pra mim e ajudou a me tornar quem eu sou hoje. Que Deus me abençoe nessa nova etapa", completou.

O ainda artilheiro do Campeonato Brasileiro com nove gols foi negociado pelo Palmeiras com o clube chinês por 9,5 milhões de euros (R$ 41,6 milhões). O Palmeiras, que detinha apenas 25% dos direitos econômicos de Róger Guedes, negociou e ficou com 45% do total (R$ 20,4 milhões - R$2,5 irão para pagar o ex-presidente Paulo Nobre).

A estratégia já foi usada com Yerry Mina e Gabriel Jesus no passado. Quando o camisa 9 da Seleção Brasileira renovou com o Palestra, a equipe ficou com apenas 30% dos direitos do jogador. No entanto, na venda para o Manchester City, o clube, que teria direito a R$ 35,5 milhões, acabou lucrando mais de R$ 41 milhões que o previsto, arrecadando R$ 76,7 milhões de um total de R$ 121,1 milhões.

O Galo também lucrou mais do que o esperado. Pela taxa de vitrine e conforme contrato, o Alvinegro receberia 10% do valor total como taxa de vitrine. O Atlético, porém, após muita negociação, conseguiu subir sua parte para 2,5 milhões de euros (R$ 11,3 milhões).

Antes de tentar a contratação do atacante, os chineses miraram Dudu. O Palmeiras, no entanto, mesmo com a intenção do camisa 7 de deixar o clube, recusou as ofertas de 12 e 15 milhões de euros (R$ 67 milhões). O atacante foi seduzido com uma oferta de R$ 2 milhões mensais de salário, além de uma luva de mais de R$ 30 milhões pela assinatura do acordo.


Gazeta Esportiva/DomTotal.com

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas