;
Brasil Política

09/08/2018 | domtotal.com

Abstenções salvam mandato do vereador Wellington Magalhães


Vereador vai continuar com uso de tornozeleira e respondendo a inquérito
Vereador vai continuar com uso de tornozeleira e respondendo a inquérito (Abraão Bruck/Divulgação)

Com 15 abstenções,  o plenário da Câmara Municipal de Belo Horizonte decidiu manter o mandato do vereador afastado Wellington Magalhães (PSDC) por quebra de decoro parlamentar. A votação ocorreu na manhã desta quinta-feira. Eram necessários 28 para a cassação. A opção pela abstenção foi uma estratégia traçada pela tropa de choque de Wellington Magalhães.

Magalhães foi absolvido apenas no processo de cassação na Câmara, mas continua com uso de tornozeleira e respondendo a inquérito. Conforme o Ministério Público, o vereador não pode voltar a exercer as suas funções por força de decisão proferida pelo juiz da 2ª Vara de Fazenda Municipal em pedido da promotoria para afastamento das funções até o encerramento da instrução processual.

Confira como os vereadores votaram (sim – pela cassação):

Álvaro Damião (DEM) - Sim

Arnaldo Lula Godoy (PT) - Abstenção

Áurea Carolina (PSOL) - Sim

Autair Gomes (PSC) - Abstenção

Bim da Ambulância (PSDB) - Abstenção

Carlos Henrique (PMN) - Sim

Catatau (PHS) - Abstenção

Cida Falabella (PSOL) -Sim

Cláudio Duarte (PSL) -Sim

Dimas da Ambulância (PODEMOS) -Sim

Doorgal Andrada (PATRIOTA) -Sim

Doutor Nilton (PROS) -Sim

Edmar Branco (AVANTE) -Abstenção

Elvis Côrtes (PHS) - Abstenção

Fernando Borja (AVANTE) - Sim

Fernando Luiz (PSB) - Sim

Flávio dos Santos (PODEMOS) - Abstenção

Gabriel (PHS) - Sim

Gilson Reis (PCdoB) - Abstenção

Hélio da Farmácia (PHS) - Abstenção

Irlan Melo (PR)- Sim

Jair Di Gregório (PP) -Abstenção

Jorge Santos (PRB) - Sim

Juninho Los Hermanos (AVANTE) - Sim

Léo Burguês de Castro (PSL) -Abstenção

Marilda Portela (PRB) - Sim

Mateus Simões (NOVO) - Sim

Nely Aquino (PRTB)- Abstenção

Orlei (AVANTE) - Sim

Osvaldo Lopes (PHS) - Sim

Pedrão do Depósito (PPS) - Abstenção

Pedro Bueno (PODEMOS) - Sim

Pedro Lula Patrus (PT) - Abstenção

Preto (DEM) - Abstenção

Professor Wendel Mesquita (SOLIDARIEDADE) -Sim

Rafael Martins (PRTB) - Sim

Reinaldo Gomes (MDB) - Sim

Wesley Autoescola (PRP) - Sim

Vereadores ausentes:

Eduardo da Ambulância (PODEMOS) - licença médica

Juliano Lopes (PTC) - embora tenha marcado presença, não estava no plenário na hora da votação e, portanto, não votou.

Henrique Braga (PSDB), presidente, não vota por prerrogativa do regimento interno.


Redação

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas