;
ESDHC

21/09/2018 | domtotal.com

Congresso da Dom Helder cria rede Pan-Amazônia de Pesquisa

A carta também serve como cobrança de providências das autoridades públicas.

Carta apresentada aos participantes do evento
Carta apresentada aos participantes do evento Foto (Gilmar Pereira / DomTotal)
Participantes do evento puderam opinar sobre a carta
Participantes do evento puderam opinar sobre a carta Foto (Gilmar Pereira / DomTotal)
Participantes aplaudiram a carta
Participantes aplaudiram a carta Foto (Gilmar Pereira / DomTotal)

Por Patrícia Almada
Repórter DomTotal

Uma carta com as conclusões de três dias de debates e que sinaliza as preocupações com a Amazônia foi um dos resultados do V Congresso Internacional de Direito Ambiental e Desenvolvimento Sustentável, que será encerrado neste sábado (22). Promovido pela Dom Helder, o evento teve painéis de trabalho e show do cantor Ney Matogrosso, nessa sexta-feira (21). Durante o evento, que teve como tema “Pan-Amazônia – Integrar e Proteger”, foi criada a Rede Pan-Amazônica de pesquisa.

Assim, a iniciativa está sendo considerada também o primeiro Congresso da Rede. A carta também serve como cobrança de providências das autoridades públicas.

Agora, além da Dom Helder, em Belo Horizonte, o Congresso atravessará fronteiras. De acordo com a pró-reitora de pesquisa, Beatriz Souza Costa, o evento será itinerante e realizado em vários países.“Em 2019 será na Colômbia e assim por diante, em todos os países que possuem a Amazônia como extensão territorial”, disse.

Além disso, Beatriz destacou que durante o Congresso foram compartilhados problemas causados pela mineração e por megaprojetos que estão acontecendo dentro do território Amazônico. “Por isso vieram professores da Colômbia, do Equador, Venezuela e Peru. Assim, podemos fazer o balanço do vem acontecendo. Queremos que a Amazônia seja mais integrada para que assim possamos protegê-la”.

‘Coracionar’ a Amazônia

Para que a Amazônia seja vista como um único “coração”, Beatriz ressalta que tanto o poder público como a população de maneira em geral têm responsabilidade, pois o cenário da Pan-Amazônia é preocupante.

“No geral, o que vimos em todo o Congresso é que está acontecendo um impacto sem precedentes em todos os países. Como no Brasil, o direito ambiental e proteção ambiental estão em retrocesso”, disse. “Estamos deteriorando a nossa própria sobrevivência”, alerta.

REPAM

A pró-reitora revelou também que a Dom Helder se integrou à Rede Eclesial Pan-Amazônia (REPAM) juntamente com os jesuítas. “Vamos trabalhar para proteção dos indígenas e dos povos que vivem nesses locais e estão sofrendo. Queremos levar este aviso de proteção para todo o Brasil”, finaliza.

*Colaborou com o texto Rômulo Ávila

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas