Esporte Futebol Mineiro

22/02/2019 | domtotal.com

Com lesão, Papagaio evita prever estreia no Atlético e recebe elogios de Levir

Um clube gigante como o Atlético oferece tudo que o atleta precisa e até mais.

'Sou um atacante bastante técnico e de muita força no último terço do campo'
'Sou um atacante bastante técnico e de muita força no último terço do campo' (Bruno Cantini / Atlético)

Último reforço a se apresentar ao Atlético para a temporada 2019, Papagaio ainda não sabe quando poderá estrear. O centroavante, cedido por empréstimo pelo Palmeiras até o fim do ano, chegou ao novo clube contundido, pois sofreu entorse no tornozelo esquerdo quando defendia a seleção brasileira no Sul-Americano Sub-20, e evitou prever quando estará à disposição do técnico Levir Culpi, embora tenha exibido ansiedade para atuar pela primeira vez em seu novo time.

"Estou me recuperando bem, fazendo os trabalhos na fisioterapia, e tudo vem evoluindo muito bem. Espero estar logo dentro de campo para poder ajudar o Atlético fazendo gols, que é o que mais gosto de fazer”, afirmou, nesta sexta-feira, Papagaio. "Fui muito bem recebido. A estrutura aqui é incrível. Um clube gigante como o Atlético oferece tudo que o atleta precisa e até mais. Espero estar apto para jogar logo, que é que eu mais quero", acrescentou.

Com apenas 19 anos, Papagaio aproveitou sua apresentação para detalhar suas características ao torcedor atleticano. E explicou ser um centroavante mais fixo dentro da grande área, sem tanta movimentação pelos lados do campo.

"Sou um atacante bastante técnico e de muita força no último terço do campo. Tenho boa finalização, não sou muito de sair da área, busco ficar mais fixo na área, mas com mobilidade também porque gosto de dar assistências para os meus companheiros", explicou.

Levir revelou ter recebido boas referências sobre Papagaio de Luiz Felipe Scolari, o comandante do Palmeiras. "Tive uma conversa com o Felipão sobre ele e ele me falou muito bem do Papagaio. Já deu para ver que é um menino desinibido assim, mas isso não quer dizer nada. Tem que ver com a bola rolando. A bola via rolar e, aí, ele vai ter que tomar atitude. Aparentemente, já tem um histórico, apesar de ser mais nas categorias de base, mas é um finalizador, um jogador de área", disse.

Além disso, Levir lembrou que o Atlético deve poupar o veterano Ricardo Oliveira em alguns compromissos nesta temporada o que deve abrir espaço para Papagaio receber oportunidades como titular, assim como já vem ocorrendo com Alerrando.

"Vamos ver como ele vai se adaptar e, com certeza, contamos com ele porque, na frente, temos problema também. Estamos com o Alerrandro e o Ricardo, que não é um jogador tão jovem e precisa ser administrado na parte física, é pouco. Então, vai ser importante porque eles serão utilizados, com certeza”, comentou o treinador.


Agência Estado

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!


Instituições Conveniadas