Esporte Futebol Internacional

26/02/2019 | domtotal.com

Após polêmica, Vinicius Junior nega ter dito que 'Messi não assusta ninguém'


Na véspera do clássico contra o Barcelona válido pelo confronto de volta das semifinais da Copa do Rei, Vinicius Junior se manifestou publicamente nesta terça-feira (26) para negar que tenha dito que "Messi não assusta ninguém". A suposta declaração foi propagada pela imprensa internacional na última segunda, mas o atacante do Real Madrid fez questão de esclarecer que não foi exatamente isso o que ele afirmou sobre o astro argentino.

A polêmica começou após o Esporte Interativo ter divulgado, por meio de uma publicação em sua página no Twitter, a seguinte declaração creditada ao brasileiro: "Messi é sempre assim. Ele é um jogador incrível, mas não assusta ninguém. Estamos prontos e temos os melhores jogadores do mundo".

Nesta terça-feira, porém, Vinicius Junior reproduziu textualmente o que disse ter comentado ao analisar o fato de que Messi brilhou ao marcar três golaços na vitória por 4 a 2 sobre o Sevilla, no último sábado, pelo Campeonato Espanhol.

O brasileiro afirmou que o seu comentário sobre o craque do Barça foi o seguinte: "Messi é incrível, faz coisas que poucos jogadores são capazes de fazer, mas não nos assusta. Estamos prontos para qualquer coisa que vier. Temos os melhores jogadores do mundo também". E na mesma publicação na rede social ele depois questionou: "Acho que foi essa a resposta, não?".

Com este esclarecimento, Vinicius Junior esfriou a polêmica que na última segunda-feira (25) apimentou ainda mais a rivalidade do clássico em uma semana na qual Real e Barça se enfrentarão por duas vezes. Após o duelo que valerá vaga na final da Copa do Rei nesta quarta, às 17 horas (de Brasília), no Santiago Bernabéu, os dois times voltarão a se enfrentar no sábado, no mesmo estádio, pela próxima rodada do Campeonato Espanhol.


Agência Estado

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas