Mundo

26/03/2019 | domtotal.com

Pesquisadores apresentam Volumes IX, X e XI da Coleção História Geral da África

Reunião de Comitê Científico Internacional da Unesco encerra os debates nesta quarta-feira, na Dom Helder Escola de Direito, em Belo Horizonte.

Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África.
Reunião do Comitê Científico Internacional da Unesco para a Coleção História Geral da África. Foto (Thiago Ventura/DomTotal)

Os volumes IX, X e XI da Coleção História Geral da África (HGA) foram apresentados nesta terça-feira (26), em Belo Horizonte, durante reunião de Comitê Internacional Científico da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). O evento, sediado pela Dom Helder Escola de Direito, prossegue até quarta-feira (27), com palestras públicas e reuniões privadas para validação dos textos da edição.

A Coleção HGA, iniciada em 1964, tem por objetivo principal contar a história da África a partir da perspectiva dos próprios africanos. Para a elaboração dos volumes IX, X e XI, o Comitê Internacional Científico contou com a colaboração de 16 membros efetivos e três membros associados, que representam várias regiões do mundo e diferentes disciplinas científicas.

“Conforme falamos ontem, a ideia era bastante simples: a elaboração de um volume concentrado na diáspora africana. Mas o processo nos levou a três volumes, com focos e conteúdos diferentes”, explicou Augustin Holl, presidente do Comitê Internacional Cientifico para o Volume IX, que atuou como moderador durante o evento.

Programação

A primeira mesa desta terça-feira (26) dedicou-se à apresentação do Volume IX, intitulado ‘História Geral da Africa Revisitada’, e contou com palestras dos pesquisadores Martial Zé Bélinga e Olabiyi Joseph Yai, coordenadores da seção I ‘Escrever a história dos africanos e de suas diásporas hoje – algumas considerações epstemológicas’.

Para compor a mesa de apresentação do volume X, foram convidados os pesquisadores Caroline Boyce-Davies, coordenadora da seção I ‘Redefinir africanidade global e negritude’, Vanicléia Silva Santos, que coordenou a seção II ‘Mapeamento da diáspora africana’, e Paul Lovejoy, coordenador da seção III ‘Histórias vivas e narrativas de liberdade’. O tema central do volume é a ‘África Global e suas Diásporas’.

“Nosso objetivo, na seção II, foi mapear e analisar as diásporas africanas e suas várias contribuições para a construção das sociedades modernas e para a emancipação e desenvolvimento da África. Buscamos também abordar a dinâmica da relação entre a África e suas diásporas, os movimentos real e intelectual entre a África e o resto do mundo e as formas pelas quais o continente se conecta e percebe a África Global", afirmou Vanicléia Silva Santos.

Já a apresentação do volume XI, intitulado ‘Global África hoje’, foi realizada pelos pesquisadores Hilary Beckles e Catherine Coquery-Vidrovitch, coordenadores da seção I  ‘África Global – desafios presentes e futuros’, e Faranirina Rajaonah, coordenadora da seção III ‘A África na virada do terceiro milênio: desafios, dinâmicas e perspectivas’. A professora Macaé Evaristo dos Santos, ex-secretária de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão do Ministério da Educação, atuou como debatedora.

“Vivemos um momento político em que tudo o que diz respeito à educação para as relações ético-raciais de história da África e dos africanos no Brasil está vetado pelo governo brasileiro, que, inclusive, quer proibir a presença de vozes que fazem oposição em espaços democráticos. Essa é uma questão que nos preocupa de sobremaneira e gostaria de trazer isso aqui para este debate, porque não é possível falar de história geral da África sem falar de política”, apontou Macaé Evaristo.

Tarde

O evento teve prosseguimento com a palestra ‘Como os novos volumes da HGA podem transformar a escrita da história da África e de suas diásporas?’,  ministrada pelos professores Valter Silvério, da Universidade Federal de São Carlos (Ufscar), e Paul Lovejoy, da Universidade de York (Canadá). A moderadora foi a ex-ministra e professora Nilma Lino Gomes, da UFMG. No fim da tarde, houve a exibição de um vídeo baseado nos oito volumes já publicados da História Geral da África e a apresentação do músico mineiro Maurício Tizumba e seu grupo de percussionistas.


Redação DomTotal

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas