17 Set 2021 | domtotal.com

A boiada tá passando!


Penso que tudo faz parte de uma grande estratégia que envolve, criar cortinas de fumaça, praticar exageros que esticam a corda do aceitável e depois recuar de modo a terminar o movimento um pouco a frente do que começou

Em grande parte, a 'torcida organizada' do Bolsonaro realmente está crente na alucinação, têm no líder um herói de quadrinhos. Não há racionalidade que os demova
Em grande parte, a 'torcida organizada' do Bolsonaro realmente está crente na alucinação, têm no líder um herói de quadrinhos. Não há racionalidade que os demova (Isac Nóbrega/PR)

Marcel Farah

O 7 de setembro da extrema direita fez tremer as bases da democracia com significativo apoio de multidões que comemoraram um suposto estado de sítio! Não sei ao certo se essas multidões sabem o que tudo isso significa, mas me parece que não. Se for assim, em grande parte, a "torcida organizada" do Bolsonaro realmente está crente na alucinação, têm no líder um herói de quadrinhos. Não há racionalidade que os demova.

Mas, estes impulsos emocionais parecem ter tomado a própria máquina estatal neste governo. Penso que tudo faz parte de uma grande estratégia que envolve, criar cortinas de fumaça, praticar exageros que esticam a corda do aceitável e depois recuar de modo a terminar o movimento um pouco a frente do que começou. E, ainda, criar inimigos imaginários, como os comunistas, ou insuflar a alucinação e mobilizar pessoas com as declarações negacionistas e outras do gênero. Mesmo assim, não entendo muito bem qual o mecanismo de funcionamento desta estratégia! É tudo um pouco surpreendente - talvez este seja seu principal ingrediente.

Qual o sentido da nota do Ministério da Saúde recomendando a não vacinação de jovens de 12 a 17 anos sem nenhuma explicação das razões? Será que em algum cenário isso beneficia o governo? Será convicção negacionista? Ou é apenas a necessidade de um repique no genocídio?

Enfim, a cortina de fumaça é tamanha que torna difícil juntar as peças, se é que a estratégia não seja exatamente esta, não ter sentido.

Entretanto, contudo, todavia, uma coisa é certa, o mercado se preocupa com todo sinal de que pode perder o controle sobre Bolsonaro. A insegurança gerada pelos discursos golpistas do 7 de setembro derrubaram a bolsa. A nota de recuo articulada por Temer retomou o crescimento da bolsa.

Lembro que dois anos atrás dizíamos que Bolsonaro era uma continuidade de Temer, e que a mudança estava com Haddad.

Em termos econômicos é o mesmo, pois o Bozo tem seguido todas as reformas iniciadas pelo drácula. Estas reformas (trabalhista, previdenciária, administrativa, teto de gastos, privatizações), amplamente elogiadas pela grande mídia, não ajudam a melhorar a vida do povo. Por outro lado, atendem aos melhores interesses dos grandes jogadores do mercado.

Portanto, apesar da confusão sobre como o mecanismo atua é possível entender qual a direção. Enquanto nos distraem com o inusitado e surpreendente (haja criatividade!) a boiada tá passando.

Marcel Farah
Educador Popular

O texto reflete a opinião pessoal do autor, não necessariamente do Dom Total. O autor assume integral e exclusivamente responsabilidade pela sua opinião.

+ Artigos
Comentários