Arquivo da tag: Crash Test

Nissan-Kicks-Crash-Test-2017

Nissan Kicks ganha quatro estrelas em crash test

SUV compacto fabricado no Brasil registra fraca proteção ao peito dos ocupantes, mas  a proteção contra impactos laterais foi de adequada para boa.

Nissan-Kicks-Crash-Test-2017

Por Thiago Ventura

O Programa de Avaliação de Veículos Novos para América Latina e o Caribe, Latin NCAP, revelou a última rodada de testes de segurança com modelos vendidos no continente. Dos três carros avaliados, um interessa bem ao mercado nacional.

O utilitário-esportivo (SUV) compacto Nissan Kicks, fabricado em Resende (RJ), recebeu quatro das cinco estrelas possíveis no crash test promovido pela entidade. O índice foi igual tanto para segurança de passageiros adultos como para crianças.

O Kicks testado oferece dois airbags como equipamento padrão apresentou um desempenho apenas instável na estrutura e na área dos pés no teste de batida frontal, explicando a fraca proteção do peito. A proteção contra impactos laterais foi de adequada para boa, sendo aceitável em termos global, obtendo as quatro estrelas para o adulto.

O SUV oferece controle de estabilidade (ESC), cumprindo os requisitos do Latin NCAP quanto a rendimento e disponibilidade. Os ocupantes infantis receberam boa proteção no impacto frontal e lateral, com ambos os sistemas de retenção infantil (SRI) instalados com ancoragens ISOFIX, demonstrando o veículo seu bom desempenho a respeito.

No entanto, a falta de interruptor de desativação do airbag do passageiro e a sinalização de ISOFIX considerada deficiente explicam as quatro estrelas para a proteção do ocupante infantil.

Nissan Murano e Chevrolet Aveo

O LatinNCAP também avaliou outros dois modelos, o Nissan Murano e o Chevrolet Aveo, ambos sem chances de chegar ao mercado brasileiro. Produzido nos Estados Unidos, o Murano ganhou cinco estrelas para a proteção do ocupante adulto e três estrelas para a proteção do ocupante infantil. O Murano foi avaliado em 2016 pelo Latin NCAP alcançando apenas duas estrelas para os ocupantes adultos e quatro estrelas para os ocupantes crianças.

Já o Chevrolet Aveo, produzido no México, foi atualizado com dois airbags como equipamento padrão e testado em impacto frontal e lateral conforme os últimos protocolos do Latin NCAP. O resultado foi de zero estrela para a proteção do ocupante adulto e três estrelas para a proteção do ocupante infantil.

“É alentador ver as melhoras da Nissan com o Murano, ganhando, rapidamente, um nível de cinco estrelas para adultos, bem como maiores níveis de segurança no Kicks. O Latin NCAP demonstrou, mais uma vez, que o fato de incorporar airbags não garante que um veículo seja seguro quando a estrutura é instável. Solicitamos à GM que proporcione à América Latina e ao Caribe os mesmos níveis de segurança oferecidos, de forma padrão, em outros mercados”, comentou Alejandro Furas, Secretário Geral do Latin NCAP.

Nissan-Kicks-2018

Ford Ka Crash Test

Ford Ka leva nota zero em crash test do LatinNCAP

Compacto fabricado no Brasil foi reprovado no impacto lateral e apresenta segurança pior do que veículos de 20 anos atrás na Europa.

Ford Ka Crash Test

Por Thiago Ventura
Portal DomTotal

Mais um mau resultado para o consumidor brasileiro no quesito segurança veicular. O Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e o Caribe, o LatinNCAP, revelou nessa quarta-feira que o Ford Ka recebeu zero estrela de cinco possíveis no tocante à proteção ao passageiros adultos. Já na Proteção do Ocupante Infantil, foram três estrelas.

Em 2015 o carro foi avaliado com quatro estrelas. No entanto, agora com o teste de impacto lateral e com os novos protocolos de segurança, a nova nota foi bem pior, mesmo com airbag duplo.

O Ka apresentou um desempenho pobre no teste de impacto lateral, mostrando níveis altos de lesões no peito do ocupante adulto, penetração profunda do pilar B no habitáculo e abertura da porta. O Ka não proporciona dispositivos de absorção de energia de impacto lateral em sua estrutura nem no painel interior nas portas.

Assista ao vídeo:

Levando em conta os resultados dos testes, o Ka não foi aprovado conforme a norma básica de proteção contra impactos laterais das Nações Unidas (UN95), obrigatória na Europa desde 1995. Ou seja, apesar de regular dentro das normas brasileiras, mostra-se mais inseguro que um carro europeu de 20 anos atrás.

A proteção infantil foi aceitável no teste de batida. Contudo, o modelo não oferece cintos de três pontos em todas as posições, a sinalização de ancoragens ISOFIX é deficiente e não conta com a possibilidade de desligar o airbag do passageiro na hora de instalar um Sistema de Retenção Infantil (SRI) olhando para trás, motivos adicionais para a redução da pontuação. A porta traseira direita foi aberta no teste de impacto lateral, expondo os passageiros crianças a riscos maiores.

 

 

Fiat Mobi Crash Test

Fiat Mobi recebe apenas uma estrela em teste de segurança

Modelo foi mal avaliado pelo LatinNCAP devido falta de itens de segurança e com desempenho estrutural ruim.

Fiat Mobi Crash Test

Por Thiago Ventura
Redação DomTotal

Os  últimos resultados do  Latin NCAP, o Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e o Caribe trouxeram uma má notícia para o mercado brasileiro. O Fiat Mobi ganhou apenas uma estrela para a proteção do ocupante adulto e duas estrelas para a proteção do ocupante criança. Esse resultado é preocupamente, pois o compacto vendeu de janeiro a julho deste ano 29.933 undiades.

No impacto frontal, o Mobi proporcionou proteção boa para cabeça e pescoço dos passageiros dianteiros. No entanto, a proteção ao peito dos adultos foi considerada marginal. No impacto lateral, o LatinNCAP qualificou como fraca a proteção proporcionada ao peito do adulto. O desempenho estrutural do Mobi mostrou uma alta penetração igual que no modelo do Chevrolet Onix, recentemente publicado. Lembrando que o modelo da chevrolet levou nota zero!

A falta de airbags laterais junto com o ruim desempenho estrutural explicam a baixa pontuação obtida. A porta traseira se abriu no teste de batida de impacto lateral, expondo os ocupantes a potenciais riscos.

A falta de cintos de segurança de três pontos em todas as posições dos bancos, bem como o fato de não contar com ISOFIX padrão, preocupa o Latin NCAP, já que isso limita a instalação dos equipamentos de transporte de bebês e crianças.

“É inaceitável que em 2017 os modelos mais populares sejam vendidos com padrões tão baixos de segurança, sendo que os fabricantes oferecem boa segurança padrão para todos os consumidores em mercados como os dos EUAs”, declarou Ricardo Morales Rubio, presidente da Comissão Diretora do Latin NCAP.

Além do Fiat Mobi, também foram avaliados o Kia Rio Sedan e uma minivan Chevrolet N300, que não são vendidos no Brasil. Sem airbags, o Chevrolet recebeu nota zero para adultos e uma para crianças, enquanto o modelo da Kia, equipado com apenas um airbag, levou duas estrelas nas duas modalidades.

Em nota, a Fiat Chrysler Automóveis (FCA), respondeu o má resultado do Mobi: “A Fiat Chrysler Automóveis informa que seus veículos comercializados no Brasil atendem todas as normas técnicas vigentes de segurança”.

Assista ao vídeo: