Arquivo da tag: Fiat Strada

Fiat Strada Volcano 2021: nova geração ganhou mais equipamentos  (Foto: Thiago Ventura)

Fiat Strada ultrapassa Chevrolet Onix e fecha setembro como carro mais vendido

Mercado automotivo tem picape-compacta como carro mais vendido após cinco anos. Confira o ranking de emplacamentos no Brasil 

Fiat Strada Volcano 2021: nova geração ganhou mais equipamentos (Foto: Thiago Ventura)
Fiat Strada Volcano 2021: nova geração ganhou mais equipamentos (Foto: Thiago Ventura)

Thiago Ventura

Nova geração da picape compacta italiana fez bem ao modelo,  que assumiu, pela primeira vez em cinco anos  a liderança mensal dos carros no Brasil. É o que revela balanço da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), divulgado nesta sexta (02). Segundo a entidade, a Fiat Strada registrou 11.873 emplacamentos, contra 11.710 do Chevrolet Onix. No acumulado, o modelo da General Motors segue na liderança, assim como a Strada é o veículo comercial leve mais vendido.

A última vez que a Strada foi o carro mais vendido no Brasil aconteceu em março de 2015. Naquele mês, ela ultrapassou o best-seller Fiat Palio.  Nos números de setembro de 2020, completam o Top5 Volkswagen Gol, com 9.134 unidades, Hyundai HB20, com 8.565 emplacamentos e o Fiat Argo, com 7.093.

Também chama atenção nas vendas de setembro o desempenho do Chevrolet Tracker. O modelo da marca americana foi o SUV mais vendido no mês, superando os Jeeps Compass e Renegade. Com 4.729  unidades emplacadas no mês passado, o Volkswagen T-Cross é o SUV mais vendido no país no acumulado do ano, totalizando 41.989 emplacamentos.

Considerando os comerciais leves, além da Strada, a Fiat Toro registrou 5.580 emplacamentos, posição consolidada em sua categoria (média-compacta), mas que segue incomodando as rivais maiores. Por falar nisso, a renovada Chevrolet S-10 emplacou 3.149 unidades, ficando mais próxima no volume mensal da líder Toyota Hilux (3.578).

Alta nas vendas

Setembro registrou o maior resultado mensal do ano, considerando carros de passeio, utilitários leves, caminhões e ônibus. Esses veículos somaram 207,7 mil unidades no mês passado, com alta de 13,3% na comparação com agosto. Desde fevereiro, quando tinham sido comercializados 201 mil veículos, até então o maior volume do ano, o mercado não passava das 200 mil unidades.

O resultado mostra uma continuidade da recuperação do mercado após o choque da pandemia, mas ainda em ritmo inferior ao padrão de antes da crise. Em relação a setembro do ano passado, as vendas caíram 11,5%, conforme informou hoje a Fenabrave, entidade que representa as concessionárias de automóveis.

No acumulado de janeiro a setembro, as vendas de veículos, num total de 1,37 milhão de unidades, mostraram queda de 32,3% frente o volume dos nove primeiros meses de 2019.

TOP 30: AUTOMÓVEIS E COMERCIAIS LEVES MAIS VENDIDOS EM SETEMBRO DE 2020

1º  Fiat Strada – 11.873
2º  Chevrolet Onix – 11.710
3º  Volkswagen Gol  – 9.134
4º  Hyundai HB20 –  8.565
5º  Fiat Argo  – 7.985
6º  Chevrolet Onix Plus – 7.093
7º  Chevrolet Tracker – 6.403
8º  Jeep Compass – 6.042
9º  Ford Ka –  5.956
10º  Jeep Renegade – 5.748
11º  Fiat Toro – 5.580
12º  Fiat Mobi –  5.447
13º  Hyundai Creta –  5.402
14º  Volkswagen T-Cross – 4.729
15º  Nissan Kicks – 4.025
16º   Renault Kwid – 4.009
17º  Toyota Hilux –  3.578
18º  Volkswagen Polo – 3.360
19º  Toyota Corolla –  3.336
20º   Fiat Uno – 3.334
21º  Honda HR-V  – 3.314
22º  Volkswagen Nivus – 3.203
23º  Volkswagen Viruts –  3.177
24º   Chevrolet S-10 3.149 –
25º   Volkswagen Saveiro –  3.050
26º  Renault Sandero –  2.795
27º  Volkswagen Voyage  – 2.493
28º  Ford Ka Sedan –  2.336
29º  Honda Civic –  2.296
30º   Fiat Fiorino –  2.093

Veja o relatório na íntegra!

Fiat Strada vende mais que carro de passeio e fecha agosto na vice-liderança

Nova geração acelera vendas da picape compacta, que lidera entre os comerciais. Fiat Strada 2021 registrou 8,6 mil emplacamentos em agosto segundo Fenabrave

Thiago Ventura

A picape-compacta Fiat Strada é a grande surpresa no balanço de vendas de veículos no Brasil em agosto. Segundo dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o modelo da marca italiana registrou 8.675 emplacamentos no mês passado, mantendo no posto de  veículo comercial leve mais vendido no Brasil e segundo lugar entre os veículos automotores. A Strada só perdeu para o best-seller Chevrolet Onix, com 10.591 emplacamentos.

Modelo projetado e destinado primordialmente ao trabalho, a Strada vende mais do que muito carro de passeio. Em agosto, por exemplo, ultrapassou o Hyundai HB20, o sedã Onix Plus e o Ford Ka, dentre outros que figuram entre os mais vendidos.  O desempenho consolida o acerto da Fiat na nova geração da picape, lançada em junho deste ano.  Nas versões Freedom e Volcano cabine dupla, a Strada talvez esteja conquistando clientes de outras categorias.

Ainda na análise dos veículos mais vendidos, destaque para o Volkswagen T-Cross, SUV mais vendido no acumulado deste ano, superando os best-sellers Jeep Renegade e Jeep Compass. O modelo alemão registrou 6.447 emplacamentos, o quarto mais vendido. Outra novidade neste segmento, o Chevrolet Tracker foi o oitavo mais vendido com 5.891 unidades.

 

Confira os  20 carros mais vendidos de agosto no Brasil:

1º Chevrolet Onix: 10.591 unidades

2º Fiat Strada: 8.675

3º Hyundai HB20: 8.465

4º Volkswagen Gol: 7.909

5º Volkswagen T-Cross: 6.447

6º Fiat Argo: 6.033

7º Chevrolet Onix Plus: 5.958

8º Chevrolet Tracker: 5.891

9º Jeep Compass: 5.217

10º Jeep Renegade: 5.202

11º Fiat Toro: 4.818

12º Ford Ka: 4.611

13º Hyundai Creta: 4.420

14º Fiat Mobi: 4.274

15º Volkswagen Polo: 3.419

16º Volkswagen Virtus: 3.235

17º Nissan Kicks: 3.198

18º Volkswagen Saveiro: 3.194

19º Toyota Corolla: 3.187

20º Honda HR-V: 2.795

Queda nas vendas

As vendas de veículos novos registraram uma queda de 13,67% em agosto em comparação com o mesmo mês do ano passado. Segundo a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), foram emplacadas 299,6 mil unidades em agosto. O número representa um crescimento de 7,35% em relação a julho.

No acumulado dos primeiros oito meses do ano, a comercialização de veículos apresentou queda de 31%, com a venda de 1,8 milhão de unidades. No período de janeiro a agosto de 2019, foram 2,6 milhões.

O segmento de automóveis e veículos comerciais leves registra, de janeiro a agosto, uma retração de 35,7%, com o emplacamento de 1,02 milhão de unidades. Em agosto, a queda ficou em 24,7%, em comparação com o mesmo mês de 2019, com a venda de 173,5 mil automóveis.

Caminhões e motos

No setor de caminhões, a redução nas vendas foi menor, 15,7% em agosto na comparação com o mesmo mês do ano passado. Foram vendidas no período 8 mil unidades. Nos oito primeiro meses do ano, as vendas de caminhões totalizaram 55,2 mil unidades, uma queda de 15,6% em relação ao período de janeiro a agosto de 2019.

Os emplacamentos de motocicletas tiveram alta de 8,29% em agosto em relação ao mesmo mês de 2019, com a venda de 96 mil veículos de duas rodas. No acumulado do ano, o setor registra queda de 25% em relação ao período de janeiro a agosto do ano passado, com a comercialização de 531,4 mil unidades.

Demanda reprimida e juros baixos

Para o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, a alta nas vendas de motos atende a uma demanda reprimida dos meses em que as montadoras paralisaram a produção. “Com a retomada de parte da produção, pelas montadoras, os volumes de emplacamentos vêm crescendo para atender à demanda reprimida. Contudo, ainda permanecem problemas de produção, pela falta de peças e componentes”, ressaltou.

Sobre os resultados de agosto em relação aos veículos em geral, Assumpção acredita que os números mostram que “o mercado vem retomando patamares mais altos de volume e se ajustando ao ‘novo normal’”.

De acordo com o presidente da Fenabrave, as taxas de juros estão atrativas e as pessoas têm comprado carros como forma de se locomover com mais segurança durante a pandemia de coronavírus. “A manutenção da taxa Selic [taxa básica de juros], em níveis baixos, assim como a pandemia, têm estimulado a compra de carros para o transporte individual das pessoas. Além disso, os financiamentos ficaram mais acessíveis”, disse. (Com Agência Brasil)

fiat-strada-2021-preços-e-valores

Fiat Strada 2021: nova geração chega ao mercado por R$ 63,5 mil

Picape ganhou plataforma e design novos para manter liderança no segmento. Meta da empresa é vender 20% mais da Fiat Strada 2021



A Fiat lançou nesta sexta-feira, de forma online, a nova geração da picape mais vendida no Brasil. A Strada 2021 chega com novo design, inspirado na irmã maior Toro, carroceria quatro portas e opção de motores 1.3 e 1.4. A nova Fiat Strada 2021 já está nas lojas com preço inicial de R$ 63.590. A marca optou por manter a atual no mercado com opção mais básica na versão Hard Working.


Trata-se de um produto completamente novo, com adoção da plataforma MPP, dedicada exclusivamente ao desenvolvimento da nova picape.

Fiat Strada 2021: preços e versões

  • Strada Hard Working CS – R$ 61.590
  • Strada Endurance Plus CS 1.4 Fire (Manual) – R$ 63.590
  • Strada Endurance Plus CD 1.4 Fire (Manual) – R$ 74.990
  • Strada Freedom CS 1.3 Firefly (Manual) –  R$ 69.490
  • Strada Freedom CD 1.3 Firefly (Manual) – R$ 77.990
  • Strada Volcano CD 1.3 Firefly (Manual) – R$ 79.990

 

O head de Design da FCA na América Latina, Peter Fassbender, conta que o projeto para a nova geração da Strada 2021 buscou maior relação com os proprietários do modelo. “Fomos até a cada dos clientes para pesquisar sobre o uso diário, analisando cada tipo de cliente para ter para ter uma boa indicação de que tipo de produto criar”. O designer destaca a criação da grade e o faróis como principais elementos do modelo, aliando o desenho italiano à robustez necessária para um utilitário leve.

 

 

Essa pesquisa com usuário também foi aplicada no desenvolvimento da central multimídia Uconnect. Segundo a Fiat, a navegação do sistema foi pensada para ser mais simples e fácil de operar. O desenvolvimento foi feito pela equipe em Minas Gerais, mas será aplicada em outros mercados do mundo.

Em relação, 90% do projeto do modelo foi feito através de realidade virtual, tecnologia pode analisar 100% das características de motorista e passageiros. O trabalho foi feito pelo Latam Virtual Center, departamento que também analisou as opções de materiais e equipamentos para aprimorar a segurança do modelo. Já a realidade aumentada foi utilizada para conferir cada detalhe final do modelo, desde o ponto de soldagem ou o alinhamento de peças como faróis e tampas.

Uma das grandes novidades é que a  Fiat Strada 2021 agora possui carroceria cabine dupla (CD) com quatro portas, opção inédita no mundo entre as picapes compactas.  Já a versão cabine simples (CS)  agora possui a maior capacidade de carga do segmento, que saltou para 720 kg, numa caçamba que acomoda 1354 litros. A Strada CD por sua vez tem capacidade de carga de 650 kg e 844 litros.

Além disso, a Nova Strada tem maior altura do solo (de até 214 mm) da categoria e oferece ângulos de entrada de até 24º e saída de obstáculos até 28º. Outra métrica interessante, graças à utilização da plataforma MPP, é  o exemplo do diâmetro de giro de apenas 10,7 m, que facilita na hora de manobras.

O modelo é revelado inicialmente nas versões Endurance (CS e CD), Freedom  (CS e CD) e Volcano CD. Futuramente, também será oferecida na versão mais simples Working.  A Fiat anuncia opção dos motores 1.4 EVO de 85/88 cv ou o 1.3 FireFly de 101/109 cv, sempre com câmbio manual de cinco marchas. Futuramente, as versões Freedom CD e Volcano CD terão opção de transmissão automática do tipo CVT.

O modelo apresenta faróis em LED e quatro airbags de série na configuração cabine dupla, além de E-Locker – Controle de Tração Avançado (TC+), controle de estabilidade e assistente de partida em rampa em todas as versões na nova picape.

Duas décadas de liderança 

A liderança absoluta da Fiat entre as picapes compactas por duas décadas no Brasil . No decorrer de seus 22 anos de trajetória, o modelo foi o responsável por diversas inovações no segmento. Em 2014, completou mais de 1 milhão de unidades comercializadas.

Entre em muitas novidades que passaram pela linha estavam a cabine estendida em 1999, a versão Adventure em 2002, o bloqueio eletrônico do diferencial Locker em 2008, a cabine dupla em 2009 e a terceira porta na cabine dupla em 2013.

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (8)

Fiat Strada 2021: picape ganha evolução no design para manter a liderança

Devido ao coronavírus, início das vendas da picape compacta fica para o segundo semestre. Fiat Strada 2021 agora tem cabine dupla de  quatro portas

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (16)

Com lançamento adiado para o segundo semestre, a Fiat revelou finalmente todas as imagens da nova geração da Strada, o veículo comercial leve mais vendido no Brasil. A linha 2021 do modelo é completamente nova, a maior evolução de design desde que foi lançada em 1996. A aposta da Fiat Chrysler Automóveis (FCA) é que as mudanças mantenham a Strada na liderança do segmento.

Uma das grandes novidades é que a  Fiat Strada 2021 agora possui carroceria cabine dupla (CD) com quatro portas, opção inédita no mundo entre as picapes compactas.  Já a versão cabine simples (CS)  agora possui a maior capacidade de carga do segmento, que saltou para 720 kg, numa caçamba que acomoda 1354 litros. A Strada CD por sua vez tem capacidade de carga de 650 kg e 844 litros.

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (12)

 

O modelo é revelado inicialmente nas versões Endurance (CS e CD), Freedom  (CS e CD) e Volcano CD. Futuramente, também será oferecida na versão mais simples Working.  A Fiat anuncia opção dos motores 1.4 EVO de 85/88 cv ou o 1.3 FireFly de 101/109 cv, sempre com câmbio manual de cinco marchas. Futuramente, as versões Freedom CD e Volcano CD terão opção de transmissão automática do tipo CVT.

O modelo apresenta faróis em LED e quatro airbags de série na configuração cabine dupla, além de E-Locker – Controle de Tração Avançado (TC+), controle de estabilidade e assistente de partida em rampa em todas as versões na nova picape.

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (11)

 

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (10)

Fiat Strada 2021: versões

  • Strada Working CS 1.4 Fire (Manual)
  • Strada Endurance CS 1.4 Fire (Manual)
  • Strada Endurance CD 1.4 Fire (Manual)
  • Strada Freedom CS 1.3 Firefly (Manual)
  • Strada Freedom CD 1.3 Firefly (Manual)
  • Strada Volcano CD 1.3 Firefly (Manual)

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (7)

 

A marca lançou um hotsite para o futuro lançamento. Os clientes que tiverem interesse em receber mais informações sobre a Nova Strada poderão se cadastrar no site para, periodicamente, receber novidades do modelo. Eles poderão ser os primeiros a reservá-la para compra nos próximos meses.

Duas décadas de liderança 

A liderança absoluta da Fiat entre as picapes compactas por duas décadas no Brasil . No decorrer de seus 22 anos de trajetória, o modelo foi o responsável por diversas inovações no segmento. Em 2014, completou mais de 1 milhão de unidades comercializadas.

Entre em muitas novidades que passaram pela linha estavam a cabine estendida em 1999, a versão Adventure em 2002, o bloqueio eletrônico do diferencial Locker em 2008, a cabine dupla em 2009 e a terceira porta na cabine dupla em 2013.

fiat-strada-volcano-2021-11

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (15)

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (8)

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (7)

 

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (3)

 

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (2)

 

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (1)

 

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (5)

 

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (16)

 

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (6)

 

Fiat Strada Volcano CD 2021 - Carro Esporte Clube (4)

Fiat-Strada-2021

Devido ao coronavírus, Fiat adia lançamento da Strada e interrompe atividades no Brasil

Lançamento da nova geração da Fiat Strada 2021 é adiado e não tem nova data. FCA vai interromper produção em Betim, Goiana e no Paraná


A pandemia do novo coronavírus (Covid-19) acaba de provocar mais uma baixa: a Fiat adiou o lançamento da nova geração da Strada 2021, previsto para os dias 03 e 04 de abril. Além disso, a Fiat Chrysler Automobiles (FCA) anunciou nesta sexta-feira (20) a interrupção gradual da sua linha de produção para conter o avanço da doença no Brasil.

A decisão vale para as fábricas de Betim-MG, Goiana-PE e Campo Largo-PR, aonde produz motores. A interrupção será gradual, com  paralisação total prevista para ocorrer até 27 de março. A expectativa é que as atividades fabris sejam retomadas em 21 de abril (logo no feriado, heim?). Somente na parte de manufatura, são cerca de 10 mil pessoas.

Segundo a montadora, a redução gradual da força de trabalho se dará com medidas preventivas já adotadas para garantir a saúde dos funcionários e evitar o contágio.

Além de interromper as atividades de produção e administrativas, a marca também adiou, de forma imediata,  todos os eventos e ações de e produto (lançamentos, apresentações, cursos e treinamentos etc) previstos em toda a América Latina. Entre ele, está o lançamento da Fiat Strada 2021, principal aposta da marca para este semestre.

 

 

 

Fiat-Strada-2021

Mini Toro? Fiat revela primeira imagem oficial da Strada 2021

Picape mais vendida no Brasil chega à nova geração com novidades em design e motorização
Fiat-Strada-2021

 

 

Após ter a imagem vazada na internet, a Fiat revelou a primeira foto da nova geração da sua picape compacta.  Líder de mercado há vários anos, a Strada 2021 será lançada no começo de abril no Brasil.

Para ter ideia da importância do produto, trata-se de veículo comercial leve mais vendido do país. Em 2019, segundo números da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), foram 76.233 emplacamentos. Neste ano, não foi diferentes e fechou janeiro com 5.412 unidades vendidas, líder do segmento.

O modelo é completamente novo, criado a partir da mesma plataforma do Fiat Mobi, com  identidade própria, mas com elementos de Argo e Toro. Aliás, já tem ganhado o apelido de ‘mini-Toro’ ou mesmo jocosamente de ‘Bezerro’ entre os entusiastas.

Fiat-Strada-2021-lateral-

 

 

Pela primeira vez, a Strada terá uma versão cabine dupla com quatro portas e capacidade para cinco passageiros. Não haverá opção de cabine estendida, mas a cabine simples ganhou um pequeno espaço atrás do banco.  Além disso, o modelo oferecerá assinatura luminosa de LED nas versões mais caras. Outra novidade em design, ao invés do logo completo, será o logotipo textual  ‘FIAT’ na dianteira, estratégia semelhante utilizada em picapes da Ford e SUVs da Land Rover.

 

Segundo o jornalista Marlos Ney Vidal, do site Autos Segredos, a picape será vendida com opção de motores  1.3 FireFly e 1.4 EVO. Nós apostamos na permanência da oferta do 1.8 eTor.Q nas versões topo de linha até a chegada do bloco 1.3 turbo.

Pelo que apurou o AutosSegredos, a Strada 2021 será ofertada nas versões Working, Endurance, Freedom e Volcano. A atual geração ainda permanecerá em vendas por alguns meses com opção básica ‘pé-de boi’ para empresas.

 

RHF_9180

Histórico

Lançada em 24 de outubro de 1998, a Fiat Strada se tornou sucesso de vendas rapidamente graças à sua robustez e versatilidade para ser usada no dia a dia tanto para o transporte de cargas, quanto para passeios em família.

Quando chegou, derivada do Palio, era oferecida em três versões: Working 1.5, Trekking 1.6 8V e LX 1.6 16V.  Ganhou diversas outras versões, em especial a Adventure que a alçou para um consumidor interessado numa picape completa e boa oferta de itens de série.

Linha do tempo

1998: A Fiat Strada é lançada em três versões: Working 1.5 (76cv), Trekking 1.6 8V (92cv) e a topo de linha LX 1.6 16V (106cv).

1999: Chega a versão com Cabine Estendida, inédita no segmento e um marco em termos de diferenciação graças à maior praticidade de poder levar malas ou objetos maiores no interior do veículo, mantendo ainda um bom volume na caçamba.

2000: A picape Strada se torna líder de mercado pela primeira vez.

2001: Série especial MTV.

2002: Primeira reestilização e chegada da versão Adventure e do motor 1.8 8v em substituição ao 1.6 16v.

2004: Segunda reestilização. Recebeu novo interior, nova carroceria, novos conteúdos e um motor mais potente, o 1.8 8V Flex.

2006: Série especial Try On Adventure.

2007: Série Original Adventure.

2008: Terceira reestilização que deu ao modelo aspecto mais robusto, especialmente na versão Adventure, que trazia o bloqueio eletrônico do diferencial Locker.

2009: Melhoria no motor Fire 1.4 que passa a ter 85/86 cv. A Fiat inovou mais uma vez e lançou a primeira e única picape compacta com cabine dupla do Brasil.

2010: Motor Etorq 1.8 16v substitui o 1.8 8v. Versão Sporting com motor Etorq 1.8 16v.

2011: Câmbio automatizado Dualogic chega na versão Adventure cabine dupla.

 

imagem (1)

2012: Chega a quarta reestilização com novo design frontal, acabamento interno e diversos conteúdos. Versão Trekking com motor Etorq 1.6 16v e cabine dupla disponível em todas as versões.

2013: Série especial Mangalarga Marchador. Reestilizacão da parte traseira (novas lanternas e

caçamba mais alta) e inova outra vez com a terceira porta na cabine dupla.

2014: Linha 2015 com pacote Dark nas versões Trekking e Adventure.

2014: Versões Hard Working 1.4. Strada alcança 1 milhão de unidades vendidas no Brasil.

2015: Série Adventure Extreme com central multimídia.

2016: Novas versões são lançadas: Working Plus 1.4 Flex (cabine simples), Hard Working 1.4 Flex (cabines simples, estendida e dupla) e Adventure 1.8 16V Flex Dualogic (cabine dupla).

2018: Freedom 1.4 Cabine Dupla é nova versão da Fiat Strada para linha 2019.

2020: Lançamento da segunda geração