Blog TEOLOGIA

O seguimento de Jesus

28/08/2014 21:04:10

 Roteiro Homilético

1248932_81687956-700x329

1ª leitura: (Jr 20,7-9) O profeta “seduzido” por Deus para um trabalho ingrato – Já desde o início, Jeremias não gostou da vocação profética (cf. 1,6). Seu temperamento sensível não era o de um lutador contra os abusos religiosos e sociais de seu tempo e, sobretudo, não servia para proclamar as catástrofes que viriam sobre Judá. Aliás, a catástrofe se fazia esperar, o escárnio e a perseguição do profeta, porém, não! Assim, o profeta chega a amaldiçoar sua própria existência (cf. 15,10-21). Mas, sempre de novo, sua revolta o reconduz a seu Senhor. * Cf. Jr 1,4-10; 17,14-18; 23,29; Am 3,8; 1Cor 9,16.

2ª leitura: (Rm 12,1-2) O verdadeiro culto a Deus – “Diante da misericórdia de Deus” (12,1), descrita em Rm 1–11 (a salvação pela graça de Deus e a fé do homem), Paulo propõe uma prática de vida que é “culto adequado” a Deus (recomendações morais, Rm 12–14). Pode-se comparar a vida com um sacrifício, transformado pela santificação; assim também a vida do cristão já não é como a do mundo. O cristão é crítico em relação ao mundo: assume o que é valioso e rejeita o que não o é. Assim, ele encarna a ação salvífica de Cristo no mundo. * 12,1 cf. Rm 1,9; 15,16; 1Pd 2,5 * 12,2 cf. Rm 8,5; Ef 4,22-24; 5,10.17; Fl 1,9-10.

Evangelho: (Mt 16,21-27) O seguimento de Jesus: assumir sua cruz – Com a profissão de fé messiânica relacionam-se, nos três evangelhos sinóticos, a predição da Paixão e o tema do seguimento de Jesus no sofrimento. Pedro mostra-se, outra vez, porta-voz, mas, desta vez, da incompreensão diante do mistério. Que o Messias e sua Igreja devem sofrer é um ensinamento que sempre de novo terá que ser repetido e aprofundado. * Cf. Mc 8,31-38; Lc 9,22-26 * 16,21-23 cf. Mt 17,22-23; 20,17-19; Lc 9,44; 18,31-33; 24,7.44-46 * 16,24-26 cf. Lc 14,27; 17,33; Jo 12,25-26 * 16,27 cf. Mt 25,31; 2Ts 1,7.

Continue lendo…

 

Comentários