Esporte Seleção Brasileira

06/09/2016 | domtotal.com

Seleção Brasileira tenta embalar e entrar no G4

O Brasil voltará a campo contra a Colômbia, às 21h45 (de Brasília), na Arena da Amazônia.

O Brasil aparece na quinta colocação, com 12 pontos.
O Brasil aparece na quinta colocação, com 12 pontos. (Lucas Figueiredo/ CBF)

A Seleção Brasileira tentará nesta terça-feira algo que ainda não conseguiu pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 - ganhar duas partidas consecutivas. Depois de bater o Equador por 3 a 0 na estreia do técnico Tite, o Brasil voltará a campo para medir forças com a Colômbia, pela oitava rodada, às 21h45 (de Brasília), na Arena da Amazônia.

O Brasil aparece na quinta colocação, com 12 pontos, posto que o levaria para a repescagem contra a melhor seleção da Oceania. Mas, em caso de triunfo, entrará na zona de classificação direta para o Mundial, em que está, com 13 pontos, a Colômbia, vinda de triunfo de 2 a 0 sobre a Venezuela. E é justamente por conta da possibilidade de trocar de posição com os colombianos, ingressando na área nobre da tabela, que os brasileiros olham a partida como estratégica.

"Será um jogo estrategicamente muito importante, até porque ganhamos uma partida importante, mas não entramos na zona de classificação. Jogando em casa, vamos precisar dominar desde os primeiros minutos, sem permitir que a Colômbia consiga se impor. Se ganharmos, poderemos embalar de vez nas Eliminatórias, pegando tranquilidade para a sequência do trabalho", avisou o lateral esquerdo Marcelo.

Tite, técnico da Seleção Brasileira, conseguiu colocar na cabeça de seus jogadores que a Colômbia oferecerá mais resistência do que o Equador. "Será um jogo equilibrado, mas mais bonito do que aquele das Olimpíadas. A Colômbia tem um estilo de jogo parecido com o nosso, não vai chegar só para se defender. Os jogadores de alto nível normalmente saem um pouquinho mais para o jogo", concordou o meia Renato Augusto, que chegou a ser dúvida por conta de pancadas recebidas na perna direita diante do Equador.

Com a recuperação de Renato Augusto, Tite não modificará a formação vitoriosa na rodada passada. O meia Willian será mantido mesmo após ter visto o concorrente Philippe Coutinho brilhar em sua posição no segundo tempo do duelo em Quito.

Pelo lado da seleção colombiana, o técnico argentino José Pékerman entende que a sua equipe precisa criar um ambiente favorável em Manaus desde o princípio do confronto com os brasileiros. Ele vê como uma temeridade ficar no próprio campo esperando o Brasil se apropriar de setores estratégicos.

"A Seleção Brasileira vai partir com tudo, pois a torcida vai incentivar desde os primeiros minutos e eles estão embalado pela boa vitória fora de casa contra o Equador. Não podemos permitir que consigam impor seu estilo de jogo, deixando a Colômbia acuada em seu campo, o que foge completamente das nossas características. Não estamos mal na tabela e, por isso mesmo, podemos ser ousados em busca de uma vitória, mesmo que isso represente correr riscos de perder um pontinho", pregou Pékerman.

Para esse confronto, a Colômbia não terá o volante Daniel Torres, que cumprirá suspensão automática. Sebastián Pérez assumirá a sua vaga. Em compensação, Santiago Arias retornou de suspensão e ocupará a lateral direita, deixando Stefan Medina como opção no banco de reservas. O atacante Teófilo Gutiérrez, que carregava a esperança de voltar ao time, segue vetado por conta de lesão na perna direita.

FICHA TÉCNICA

BRASIL X COLÔMBIA

Local: Arena da Amazônia, em Manaus (AM)

Data: 6 de setembro de 2016, terça-feira

Horário: 21h45 (de Brasília)

Árbitro: Patricio Loustau (Argentina)

Assistentes: Ivan Nuñez e Gustavo Rossi (ambos da Argentina)

BRASIL: Alisson; Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Marcelo; Casemiro, Paulinho, Willian, Renato Augusto e Neymar; Gabriel Jesus

Técnico: Tite

COLÔMBIA: David Ospina; Santiago Arias, Jeison Murillo, Oscar Murillo e Farid Díaz; Sebastián Pérez, Carlos Sánchez, Macnelly Torres e James Rodríguez; Luis Muriel e Carlos Bacca

Técnico: José Pékerman


Gazeta Esportiva

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas