Esporte Seleção Brasileira

15/06/2018 | domtotal.com

Tite: o salvador da pátria que resgatou o futebol e a confiança do Brasil

Técnico foi contratado para substituir Dunga. O resultado foi a classificação para a Copa do Mundo em primeiro lugar e uma equipe que ainda não perdeu jogos oficiais.

Formado em educação física pela PUC Campinas, Tite começou sua carreira como treinador do Guarany-RS
Formado em educação física pela PUC Campinas, Tite começou sua carreira como treinador do Guarany-RS (Lucas Figueiredo/CBF)

Adenor Leonardo Bachi, o popular Tite, começou sua carreira como volante do Caxias. Apesar de não ter se destacado como jogador, ele também defendeu a Portuguesa e o Guarani, tendo como auge o vice-campeonato no Campeonato Brasileiro de 1986, na Copa União de 1987 e no Campeonato Paulista de 1988. Contudo, uma lesão grave no joelho forçou ele se aposentar aos 28 anos.

Formado em educação física pela PUC Campinas, Tite começou sua carreira como treinador do Guarany-RS e teve como primeiro título a conquista da segunda divisão do Campeonato Gaúcho de 1993 com o Veranópolis.  Após passagens por Ypiranga-RS e Juventude, o atual técnico da Seleção Brasileira conseguiu seu primeiro grande trabalho em 2000, quando ele levou o Caxias, time da sua cidade natal, ao título do Gauchão sobre o Grêmio, que o contratou no ano seguinte.

Comandado o Tricolor Gaúcho, ele venceu o estadual em 2001 e conquistou seu primeiro título nacional: a Copa do Brasil de 2001. Após deixar o Imortal em 2003, o treinador de 57 anos comandou o São Caetano, o Corinthians, Atlético-MG, Palmeiras e Al-Ain. No Timão e no Verdão, ele fez campanhas de recuperação, tirando os dois clubes paulistas da zona de rebaixamento do Brasileirão. No entanto, ele não conseguiu o mesmo feito no Galo.

Depois de ser técnico nos Emirados Árabes, Tite assumiu o Internacional e começou a colocar títulos em seu currículo. No Colorado, ele venceu o Campeonato Gaúcho e a Copa Sul-Americana em 2009. Antes de assumir o Corinthians em 2010, ele teve uma breve passagem no Al-Wahda.

No Timão, o comandante do Brasil se consolidou de vez no cenário nacional. Ele começa sua passagem com oito jogos para o fim do Brasileirão de 2010 na tentativa de recuperar a equipe que havia demitido Adilson Batista. O primeiro resultado foi uma vitória por 1 a 0 sobre o Palmeiras. Um dos momentos mais marcantes de Tite no Parque São Jorge foi em 2011. Com um elenco com Ronaldo Fenômeno e Roberto Carlos, o Alvinegro foi eliminado nas fases preliminares da Libertadores para o Tolima.

No mesmo ano, o treinador de 57 anos, levou o Corinthians ao título do Campeonato Brasileiro. Em 2012, ele conquistou a tão sonhada Copa Libertadores e, ainda de quebra, superou o Chelsea na final do Mundial de Clubes. Ele ainda venceu a Recopa Sul-Americana e o Paulista em 2013. Já criticado por manter um vínculo muito forte com alguns jogadores que não rendiam mais, ele deixou a equipe no final de 2013 e retornou em 2015 para conquistar mais um Brasileirão.

Com a Seleção Brasileira em má fase nas Eliminatórias para a Copa do Mundo e campanhas vergonhosas na Copa América de 2015 e 2016, Tite foi contratado para substituir Dunga. O resultado foi a classificação para a Copa do Mundo em primeiro lugar e uma equipe que ainda não perdeu jogos oficiais.


Gazeta Esportiva

TAGS




Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!



Outras Notícias

Não há outras notícias com as tags relacionadas.