Brasil Cidades

12/03/2019 | domtotal.com

Chegam a 200 mortes confirmadas em desastre de Brumadinho

Segundo a Defesa Civil mineira, ainda existem 108 pessoas desaparecidas após o rompimento da barragem da mina Córrego do Feijão.

A onda de lama liberada pelo rompimento da barragem também devastou boa parte da cidade de Brumadinho.
A onda de lama liberada pelo rompimento da barragem também devastou boa parte da cidade de Brumadinho. (Reuters)

Por Eduardo Simões

São Paulo - O número de mortes confirmadas por causa do rompimento da barragem de rejeitos de mineração da Vale em Brumadinho (MG) no final de janeiro chegou a 200, informou a Defesa Civil de Minas Gerais nessa segunda-feira.

Segundo a Defesa Civil mineira, ainda existem 108 pessoas desaparecidas após o rompimento da barragem da mina Córrego do Feijão, que atingiu um centro administrativo da Vale, um refeitório onde empregados da empresa almoçavam e uma pousada.

A onda de lama liberada pelo rompimento da barragem também devastou boa parte da cidade de Brumadinho no dia 25 de janeiro.


Reuters

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas