Brasil Cidades

27/03/2019 | domtotal.com

Rafael Henzel, sobrevivente do desastre da Chapecoense, morre jogando futebol

'Ele jogava futebol com amigos e sofreu um infarto fulminante. Foi conduzido ao Hospital Regional de Chapecó, onde foi confirmado o falecimento'.

A Chapecoense manifestou
A Chapecoense manifestou "seu profundo pesar e toda a consternação pela notícia do falecimento do jornalista". (AFP/Arquivos)

O jornalista Rafael Henzel, um dos seis sobreviventes do acidente aéreo na Colômbia que dizimou a equipe da Chapecoense em novembro de 2016, morreu nesta terça-feira vítima de um infarto, quando jogava futebol.

"Ele jogava futebol com amigos e sofreu um infarto fulminante. Foi conduzido ao Hospital Regional de Chapecó, onde foi confirmado o falecimento do colega jornalista", informou o locutor Marcinho San na rádio Oeste Capital.

Henzel, 45 anos, sobreviveu ao acidente aéreo que em 28 de novembro de 2016 matou 71 pessoas, incluindo 19 jogadores da Chapecoense que viajavam para Medellín, noroeste da Colômbia, para disputar contra o Atlético Nacional a final da Copa Sul-Americana.

A Chapecoense manifestou "seu profundo pesar e toda a consternação pela notícia do falecimento do jornalista (...) que durante a sua brilhante carreira narrou, de forma excepcional, a história da Chapecoense e tornou-se um símbolo da reconstrução do clube".

"Desejamos, de todo o coração, que a família tenha força para enfrentar mais um momento tão difícil e esta perda irreparável. Os sentimentos e as orações de todos os chapecoenses, torcedores e ouvintes, estão com vocês".

O avião da LaMia, de matrícula boliviana, caiu pouco antes de chegar ao Aeroporto José María Córdova, a 20 km de Medellín, devido à falta de combustível.

Henzel quebrou sete costelas no acidente e pegou uma pneumonia, permanecendo 20 dias no hospital sob cuidados intensivos.

Além do jornalista, sobreviveram ao acidente os jogadores Jackson Follmann, Neto e Alan Ruschel, e dois tripulantes bolivianos, Erwin Tumiri e Ximena Suárez.


AFP

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas