Brasil Política

04/04/2019 | domtotal.com

Os cenobitas bolsonaristas

Os cenobitas, como os bolsonaristas, podem aparecer em qualquer lugar, transformar outros humanos em cenobitas - bolsonaristas.

As semelhanças de propósitos entre 'Bozo' e 'Pinhead', o chefe dos  cenobitas chega a ser assombrosa.
As semelhanças de propósitos entre 'Bozo' e 'Pinhead', o chefe dos cenobitas chega a ser assombrosa. (Marcos Corrêa/PR)

Por Ricardo Soares*

Originalmente o termo "cenobitas" designava monges que viviam em comunidades retiradas e comungavam dos mesmos ideais e rituais. O tal "cenobitismo" era regido pela  vida em comunidade, com divisão do tempo de trabalho, oração e liturgia. Seus sacerdotes consideravam que os preceitos nos quais acreditavam era como um retorno à comunidade cristã originária.

Essa definição, bem a grosso modo, foi totalmente modificada nessa era dos extremos, na sociedade do espetáculo, pelo escritor inglês Clive Barker (inglês da mesma Liverpool dos Beatles) que criou os seus cenobitas, demônios imortais existentes no universo Hellraiser ( os livros e os filmes) que foram formados a partir de prazeres proibidos das almas dos mortais.

Esses cenobitas são muito maus, criaturas perturbadas e atormentadas com aparências repulsivas, muitos sadomasoquistas, que arrastam os mortais para o inferno. Morte, tortura, maldade e sofrimento são os motes dessas criaturas. Sim, sem exagero, qualquer semelhança com o ideário bolsonarista não é mera coincidência.

A invocação desses cenobitas é feita através de um cubo, uma pequena caixa quadrada cheia de inscrições, algo como um quebra-cabeça que se for desvendado, abre literalmente as portas do inferno. Sinceramente, acho que ocorreu no estágio atual em que o Brasil atravessa no qual desvendamos a tal "configuração do lamento", cubo que liberta esses demônios cenobitas.

Há de existir então na ficção delirante de Clive Barker a explicação para tudo que anda acontecendo com essa enxurrada diária de maldades, ignorância, desinteligência, atraso civilizatório que o governo Bolsonaro, o cenobita-mor, representa. Aliás as semelhanças de propósitos entre "Bozo" e "Pinhead", o chefe dos  cenobitas chega a ser assombrosa. Os cenobitas, como os bolsonaristas, podem aparecer em qualquer lugar, transformar outros humanos em cenobitas - bolsonaristas  com o uso largo de notícias falsas, mentiras, falácias e inverdades históricas.

Confesso a vocês que não me lembro como a saga dos cenobitas de Clive Barker termina, pois  li isso há muitos anos. Mas só posso desejar que, no nosso caso, tudo isso tenha um final feliz e que esses demônios "bozo-cenobitas" sejam devolvidos um dia ao inferno de onde vieram. Antes que destruam o que ainda resta do nosso país.

*Ricardo Soares é escritor, diretor de tv e roteirista. Publicou 8 livros, dirigiu 12 documentários.

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas