Meio Ambiente

10/04/2019 | domtotal.com

Noruega vai proibir em 2025 criadouros de animais para peleteria

A Noruega é atualmente responsável por 1% da produção mundial de pele de vison.

Criadouro de animais para peleteria em Gjovik (Noruega).
Criadouro de animais para peleteria em Gjovik (Noruega). (SCANPIX NORWAY/AFP/Arquivos)

O governo norueguês apresentou nesta quarta-feira uma proposta para proibir, a partir de 2025, a criação de animais para a peleteria com um programa de indenizações aos seus proprietários.

O projeto de lei enviado ao Parlamento proíbe a posse, a partir de fevereiro de 2025, de animais destinados a serem abatidos para "vender ou usar sua pele".

A proibição é o resultado de um acordo político de janeiro de 2018, quando o governo conservador se aliou ao pequeno partido liberal, que exigiu essa medida.

O setor peleiro denunciou, por sua vez, o valor da indenização aos criadores, que considera insuficiente e qualifica como "traição histórica".

"Eles nos propõem algumas coroas que não compensam nem de longe o desmantelamento programado dos criadores", disse à AFP Guri Wormdahl, porta-voz da organização Norges Pelsdyralslag, que representa os profissionais do setor.

"Como está sendo organizado, levará os criadores à falência", disse ele.

O governo avalia em cerca de 500 milhões de coroas (cerca de 52 milhões de euros) a indenização aos criadores para que se reconvertam a outras atividades.

Segundo Norges Pelsdyralslag, o setor emprega cerca de 500 pessoas, com um volume de negócios anual de 300 milhões de coroas norueguesas.

A Noruega é atualmente responsável por 1% da produção mundial de pele de vison e entre 2 e 3% da produção de pele de raposa.


AFP

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC. Saiba mais!

Comentários

Instituições Conveniadas