Religião

15/05/2019 | domtotal.com

Papa leva 8 crianças migrantes para passear no papamóvel

Igreja Católica e ACNUR promovem corredor humanitário para salvar migrantes que poderiam morrer em barcos durante a travessia do Mediterrâneo.

Papa Francisco percorre em papamóvel Praça São Pedro para audiência geral
Papa Francisco percorre em papamóvel Praça São Pedro para audiência geral (AFP)

O papa Francisco levou para passear em seu papamóvel oito crianças migrantes, recém-chegadas à Itália graças a corredores humanitários.

As crianças, da Síria, Nigéria e Congo, acompanharam o pontífice em seu habitual percurso pela Praça São Pedro para saudar os fiéis que compareceram à audiência geral.

Os menores vestiam camisetas com o lema do papa sobre o fenômeno da migração: "Receber, protejer, promover, integrar".

Entre eles haviam crianças que chegaram da Líbia em 29 de abril em um avião graças ao "corredor humanitário" promovido pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

A hierarquia da Igreja Católica promove esses corredores humanitários para evitar a morte no mar Mediterrâneo de milhares de pessoas que tentam entrar na Europa.

Outras crianças que passearam com o papa chegaram ilegalmente em um barco há alguns meses, explicou o Vaticano.

Todas estão alojadas com suas famílias no centro de recepção "Mundo Melhor", perto de Roma.

O papa levou as crianças no banco de trás e percorreu a esplanada para cumprimentar e abraçar as pessoas na praça.

O gesto tem um forte significado, uma vez que Francisco não tem poupado as críticas para condenar a política do governo italiano contra a migração, uma questão crucial nas eleições europeias de 26 de maio.

Francisco saudou e agradeceu com particular atenção a delegação da organização humanitária "Save the Children", presente em muitas zonas de guerra, que celebra o seu centenário.


AFP

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC.
Saiba mais!

Comentários


Instituições Conveniadas