ESDHC

14/06/2019 | domtotal.com

Alunas do 5º período vencem terceira edição do Torneio Jurídico de Debates Estudantil

Competição busca enriquecer o conhecimento jurídico da comunidade acadêmica discente.

Duplas disputam a terceira edição do Torneio Jurídico de Debates Estudantil.
Duplas disputam a terceira edição do Torneio Jurídico de Debates Estudantil. Foto (CSI)
Duplas disputam a terceira edição do Torneio Jurídico de Debates Estudantil.
Duplas disputam a terceira edição do Torneio Jurídico de Debates Estudantil. Foto (CSI)
Professores da Dom Helder e convidados atuaram como juízes.
Professores da Dom Helder e convidados atuaram como juízes. Foto (CSI)
Duplas finalistas do Torneio Jurídico de Debates Estudantil.
Duplas finalistas do Torneio Jurídico de Debates Estudantil. Foto (CSI)
Duplas disputam a terceira edição do Torneio Jurídico de Debates Estudantil.
Duplas disputam a terceira edição do Torneio Jurídico de Debates Estudantil. Foto (CSI)
Professores da Dom Helder e convidados atuaram como juízes.
Professores da Dom Helder e convidados atuaram como juízes. Foto (CSI)
Dupla finalista do Torneio Jurídico de Debates Estudantil.
Dupla finalista do Torneio Jurídico de Debates Estudantil. Foto (CSI)
Dupla finalista do Torneio Jurídico de Debates Estudantil.
Dupla finalista do Torneio Jurídico de Debates Estudantil. Foto (CSI)
Professores da Dom Helder, convidados e alunas após o round final.
Professores da Dom Helder, convidados e alunas após o round final. Foto (CSI)

As alunas Ana Clara Fernandes e Ana Luiza Lavorato, do quinto período do Direito Integral, venceram a terceira edição do Torneio Jurídico de Debates Estudantil (TJD-e), competição promovida pelo Centro de Simulação e Intercâmbio (CSI) da Dom Helder. Como prêmio, a dupla receberá uma viagem para conhecer a Corte Interamericana de Direitos Humanos, localizada na Costa Rica. O segundo lugar ficou com as alunas Isabelle Cristine e Gabriela Jussara, do 9º período, que visitarão o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal, em Brasília.

A etapa final foi disputada no dia 31 de maio, com bancada presidida pelo desembargador Luís Felipe Boson. Os professores Bruno Hazan e Marcelo Baltar participaram como juízes. Nesta edição, o tema escolhido foi Direito do Trabalho. No decorrer do torneio, as equipes tiveram a oportunidade de discutir teses atuais e controvertidas.

Proposta

Com o objetivo de enriquecer o conhecimento jurídico da comunidade acadêmica discente, a coordenação do Direito Integral instituiu o TJD-e, competição interna na qual são debatidas questões de grande controvérsia no que concerne às searas do Direito.

O torneio visa, em cada edição, fomentar a discussão de questões hodiernamente em pauta nos tribunais superiores e em debates doutrinários de forma a esgotá-las, permitindo aos participantes esquadrinhar o conteúdo apresentado inicialmente em sala de aulas.

Dinâmica

Trata-se de competição extremamente dinâmica, na qual concorrem entre si duplas formadas por discentes matriculados a partir do quinto período. Os participantes devem tomar conhecimento dos casos hipotéticos apresentados, estudá-los e preparar uma apresentação oral, como se estivessem em uma audiência de instrução e julgamento.

As equipes somente sabem qual caso será discutido às vésperas das respectivas fases orais. Além disso, os participantes não têm posição pré-fixada em relação à questão, de forma que em cada painel advogam uma posição diversa. Tal dinâmica permite exercitar a oralidade, raciocínio e argumentação jurídica.

A competição é composta por rounds classificatórios, eliminatórios e round final. Os competidores são chamados a pesquisar detidamente sobre os temas, expor seus fundamentos e defendê-los, em atividade singular para desenvolvimento de sua retórica e desenvoltura.


Redação Dom Total/CSI

TAGS


EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC.
Saiba mais!



Outras Notícias

Não há outras notícias com as tags relacionadas.