ESDHC

09/10/2019 | domtotal.com

Participação de alunos da EMGE é destaque em eventos de tecnologia

Escola estimula o engajamento em atividades acadêmicas, extraclasse e também em eventos externos, como o 36º Inforuso.

Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
O 36º Inforuso teve como tema principal o 'Humano Digital'.
O 36º Inforuso teve como tema principal o 'Humano Digital'. Foto ()
O 36º Inforuso teve como tema principal o 'Humano Digital'.
O 36º Inforuso teve como tema principal o 'Humano Digital'. Foto ()
O 36º Inforuso teve como tema principal o 'Humano Digital'.
O 36º Inforuso teve como tema principal o 'Humano Digital'. Foto ()
Professor Ricardo Luiz de Freitas, da EMGE, acompanhado por palestrantes do evento.
Professor Ricardo Luiz de Freitas, da EMGE, acompanhado por palestrantes do evento. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Professores Ricardo Luiz de Freitas e Cristiano Lacerda, da EMGE, acompanhados por palestrantes do evento.
Professores Ricardo Luiz de Freitas e Cristiano Lacerda, da EMGE, acompanhados por palestrantes do evento. Foto ()
O 36º Inforuso teve como tema principal o 'Humano Digital'.
O 36º Inforuso teve como tema principal o 'Humano Digital'. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
O 36º Inforuso teve como tema principal o 'Humano Digital'.
O 36º Inforuso teve como tema principal o 'Humano Digital'. Foto ()
Professor Ricardo Luiz de Freitas, da EMGE, acompanhado por palestrante do evento.
Professor Ricardo Luiz de Freitas, da EMGE, acompanhado por palestrante do evento. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas.
Alunos da EMGE participam do 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas. Foto ()

Por Ricardo Luiz de Freitas
Professor da EMGE

Estamos presenciando em todo o mundo uma grande e paradoxal revolução tecnológica, que envolve a inteligência artificial (IA), internet das coisas (IoT), computação na nuvem (cloud computer), computação móvel (mobile computing), blockchain e moedas virtuais, como o bitcoin, robótica, comunicação em alta velocidade (5G), e outros assuntos ligados a tecnologia. Eles estão mexendo com a vida das pessoas e das empresas, e prometem mudar a forma como vemos as profissões de hoje, pois muitas delas deixarão de existir ou se reposicionarão no futuro, e muitas outras serão criadas.

Vários dos eventos – congressos, palestras, seminários – que acontecem ao nosso redor e mundo afora são organizados para que todos nós, especialmente os profissionais das áreas envolvidas com os temas em debate, tenham contato com o que há de mais recente e inovador no mercado e também com o que virá pela frente. Todas as áreas e profissões estão sendo e serão afetadas com a revolução tecnológica que está em curso. Os profissionais precisam estar em sintonia com tudo isto, pois, se não estiverem, serão desvalorizados e relegados a segundo plano no mercado de trabalho.

Entre os dias 14 e 17 de setembro, a Dom Helder Escola de Direito e a Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE) organizaram o 2º Congresso do Conhecimento, que contou com palestrantes de alto nível e conteúdos da mais alta relevância, voltados para empreendedorismo e inovação. Ele aconteceu nas dependências das duas instituições. Na última semana, dias 1 e 2 de outubro, aconteceu o 36º Inforuso, evento de tecnologia promovido pela Sucesu Minas no Palácio das Artes, em Belo Horizonte. A abertura foi realizada governador de Minas Gerais, Romeu Zema, tamanha a importância do evento, sendo considerado o maior de tecnologia do estado.

O evento da EMGE/Dom Helder teve uma maciça participação de alunos de ambas escolas, mas contou também com diversos profissionais, incluindo vários docentes das instituições. O evento da Sucesu teve uma maior participação de profissionais das áreas de tecnologia da informação e comunicação, mas contou também com a participação de estudantes de várias escolas, com expressiva presença de alunos da EMGE, que foram agraciados pela Sucesu com a gratuidade nas inscrições.

O que estes dois eventos tiveram em comum, além da qualidade de suas organizações, do alto nível de seus palestrantes e dos importantes conteúdos discutidos? O estímulo a participação do meio acadêmico em ambos pelas entidades organizadoras dos mesmos!

As Instituições de Ensino Superior (IES), em geral, procuram fazer com que os conteúdos presentes nas disciplinas de seus cursos sejam os mais atuais possíveis e em total consonância com o mercado de trabalho, mas todos sabem que este objetivo não é totalmente atingido, até porque muitos conteúdos, considerados básicos, obrigatórios e pouco atuais, são presos a normas definidas pelo Ministério da Educação (MEC) e até pelos conselhos regionais, normas estas que demoram a mudar.

Há de se considerar também que as escolas não podem aumentar muito a carga horária de seus cursos por questões óbvias. Neste ponto, os cursos oferecidos pela EMGE e pela Dom Helder, especialmente os da EMGE, são novos e já estão ajustados, ou vão sendo ajustados, aos temas atuais e futuros, incluindo seus laboratórios, especialmente aqueles ligados à tecnologia, pois essa é a proposta principal das duas escolas.

Para que o aluno possa conhecer e se atualizar em conteúdos que a escola não provê, ele deve participar intensamente de eventos diversos em sua área, sejam organizados pela sua escola ou externos a ela, porém isto esbarra no desinteresse e na falta de estímulo por parte do aluno, na sua falta de tempo, pois muitos trabalham, ou mesmo nos altos custos de inscrição em eventos maiores e mais importantes. Por isso, a escola tem que fazer o seu papel e proporcionar ao aluno condições para que ele participe do maior número possível de eventos em sua área, ao longo de sua formação acadêmica dentro da IES, e os alunos têm que aproveitar as formações teórica e prática de suas escolas e as complementar com os conteúdos que são oferecidos nesses eventos, a fim de ter uma formação completa, atual e inovadora ao se apresentarem ao mercado, após se formarem.

A EMGE e a Dom Helder contam com um setor denominado Centro de Simulação e Intercâmbio (CSI), dificilmente encontrado em outras instituições de ensino, que fomenta a participação dos estudantes das duas escolas em eventos das áreas de seus cursos, como simulações, competições, feiras, conferências, palestras, congressos – nacionais e internacionais. Ele também realizada atividades internas mensais e forma grupos de estudos especialmente voltados para participação em competições externas. O CSI pode ser contatado através dos e-mails csi@emge.edu.br ou csi@domhelder.edu.br. Os alunos podem solicitar inserção nos grupos de Whatsapp em que são divulgados eventos e oportunidades de trabalho.

Enfim, os alunos e até professores devem ficar atentos aos eventos oferecidos por sua escola, e principalmente pelo mercado, selecioná-los dentro de sua disponibilidade de tempo e financeira, e participar do maior número possível deles, a fim de se atualizar nestes novos conteúdos. Mesmo que, em um primeiro momento, o participante não entenda o conteúdo apresentado pelo palestrante, ele terá oportunidade estar por dentro desta grande revolução tecnológica que estamos vivendo e não será pego de surpresa ou mesmo ser considerado desatualizado e ultrapassado pelo mercado de trabalho!

Confira abaixo o depoimento da estudante Luísa Souza, que cursa o 2º período de Engenharia Civil na EMGE.

O evento Inforuso da Sucesu Minas foi muito significativo para mim. Tivemos várias palestras com diversas pessoas que contaram sua experiência de vida e sua trajetória até suas conquistas. Duas palestras em especial me chamaram muita atenção. Uma delas foi a do Bruno Fernandes, que tinha como tema "Leve uma vida minimalista". Ele mostrou como o consumo exagerado afeta nossa vida pessoal, profissional e financeira. Bruno mostrou também que o consumo de forma consciente possibilita ter um controle maior do tempo, do dinheiro e do espaço e, além disso, que é possível ser feliz se envolvendo mais com o que realmente importa. Outra palestra que me motivou foi da Ciranda de Morais sobre "Propósito", na qual mostrou que às vezes leva-se um tempo para encontrar um objetivo, mas que é necessário continuar nessa busca e, para isso, é importante sair da zona de conforto. Ela nos apresentou a She's Tech, que busca inspirar, encorajar e capacitar as mulheres na área de tecnologia, e isso me incentivou também a me dedicar e buscar sempre mais conhecimento para que eu possa me tornar uma boa profissional na Engenharia Civil. Quero agradecer as oportunidades que a EMGE sempre nos proporciona de aprendizagem nesses eventos.


Patrícia Azevedo/Dom Total

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC.
Saiba mais!