Esporte Futebol Mineiro

08/12/2019 | domtotal.com

Atlético é derrotado pelo Inter na despedida do Brasileirão

O Galo começou bem a partida mas foi vencido no Beira-Rio

Momento do gol de Otero, do Atlético, durante disputa contra o Inter
Momento do gol de Otero, do Atlético, durante disputa contra o Inter (WESLEY SANTOS)

O Internacional deu um susto nos mais de 20 mil torcedores presentes no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, mas encerrou a sua participação no Campeonato Brasileiro de 2019 com uma vitória de virada sobre o Atlético por 2 a 1, neste domingo.

Beneficiado pela derrota do Corinthians para o Fluminense, também por 2 a 1, em São Paulo, o Internacional terminou na sétima colocação, com 57 pontos. O time já estava garantido nas fases preliminares da Copa Libertadores. Classificado para a Copa Sul-Americana, o Atlético ficou em 13.º lugar, com 48.

A partida deste domingo pode ter sido a última do técnico Zé Ricardo no comando do Internacional. O argentino Eduardo Coudet está apalavrado para a próxima temporada. Já Vagner Mancini ainda não definiu o seu futuro, mas as chances de seguir no Atlético são pequenas.

Logo aos cinco minutos, o Atlético aproveitou falha do sistema defensivo colorado para abrir o placar. Bruno Fuchs saiu jogando errado e a bola sobrou para Otero soltar a bomba. O Internacional parecia em ritmo de férias e não conseguia ameaçar o goleiro Victor.

Otero cobrou escanteio fechado e só não marcou gol olímpico porque o goleiro Marcelo Lomba tirou. Logo depois, Di Santo arriscou de fora da área e quase acertou o ângulo. Aos poucos, o Internacional foi se encontrando na partida e animando a torcida.

(Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

Os jogadores colorados pediram um toque de mão após chute de Guerrero, o árbitro consultou o VAR e mandou o lance seguir. Aos 32 minutos, Sarrafiore bateu de primeira e Victor fez boa defesa No último lance de perigo do primeiro tempo, Edenilson desviou de cabeça rente à trave.

O Internacional voltou do intervalo esboçando uma pressão em cima do Atlético. Aos oito minutos, Guerrero caiu após dividida com Léo Silva e pediu pênalti. O árbitro mandou o lance seguir após consulta ao VAR. Na sequência, Natanael arriscou, a bola desviou no meio do caminho e foi na rede pelo lado de fora

Victor evitou o empate do Internacional após desvio de cabeça de Victor Cuesta. Na sequência foi a vez de Marcelo Lomba salvar em cabeçada de Maicon. Aos 15 minutos, Guerrero chutou e o goleiro atleticano espalmou para escanteio.

Aos 19 minutos, Léo Silva subiu mais que todo mundo e cabeceou para linda defesa de Marcelo Lomba. Depois de ver Martínez tirar quase em cima da linha, Guerrero empatou aos 36. Nonato finalizou rasteiro, Igor Maidana não conseguiu cortar e o peruano chutou forte. O gol só foi validado após consulta ao VAR

Quando parecia que o jogo terminaria empatado, o Internacional conseguiu a virada aos 52 minutos. D'Alessandro cobrou falta para dentro da área e Victor Cuesta cabeceou firme.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 2 X 1 ATLÉTICO

Local: Beira-Rio, Porto Alegre, RS

Data: 8 de dezembro de 2019 (domingo)

Horário: 16h (de Brasília)

Arbitragem: Savio Pereira Sampaio (DF)

Auxiliares: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e Jose Reinaldo Nascimento Junior (DF)

Cartões Amarelos: Guerrero, Neílton e D?Alessandro (Internacional); Otero (Atlético)

Público: 21.783 presentes

Renda: R$ 491.335

Gols: Otero, aos cinco minutos do 1º tempo, para o Atlético; Guerrero, aos 37 minutos do 2º tempo, e Cuesta, aos 52 minutos do 2º tempo, para o Internacional.

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Heitor (Nonato), Bruno Fuchs, Victor Cuesta e Natanael; Rodrigo Lindoso, Edenilson e D?Alessandro; Sarrafiore (Rafael Sobis), Guerrero e Neílton (Wellington Silva).

Técnico: Zé Ricardo

ATLÉTICO: Victor, Guga, Léo Silva, Maidana e Hernández (Hulk); Zé Welison, Otero (Terans) e Martínez (Bruninho). Vinicius Goes, Maicon e Di Santo.

Técnico: Vagner Mancini


Gazeta Esportiva

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC.
Saiba mais!



Comentários