Brasil

24/03/2020 | domtotal.com

Hospital que testou Bolsonaro omite ao DF dois nomes de pacientes com covid-19

Mais de 20 integrantes da comitiva de Bolsonaro foram diagnosticados com coronavírus

Bolsonaro fez dois testes e disse que pode fazer o terceiro
Bolsonaro fez dois testes e disse que pode fazer o terceiro (Carolina Antunes/PR)

O Hospital das Forças Armadas (HFA) omitiu ao governo do Distrito Federal (DF) dois nomes em uma lista de infectados com o novo coronavírus. Uma lista de 17 infectados, sendo que 15 estão identificados, foi entregue ao governo do DF. O presidente Jair Bolsonaro foi uma das autoridades que fizeram exame no local, mas afirmou nas redes sociais ter testado negativo. O nome dele não está entre os 15 mencionados pelo hospital. As informações são do Jornal o Estado de São Paulo.

Leia também:

A reportagem pede há dias à Secretaria de Comunicação da Presidência (Secom) que apresente os resultados do exames já feitos pelo presidente, mas até hoje não obteve resposta.

Procurado, o Hospital das Forças Armadas não respondeu. A Secretaria de Saúde do DF disse não ter manifestação.

23 infectados

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero), Marcelo Thomé, confirmou recentemente que testou positivo para Covid-19.  Ele é o 23º membro da comitiva que acompanhou o presidente Jair Bolsonaro em viagem aos Estados Unidos a contrair o novo coronavírus.

Bolsonaro teve contato com auxiliares que já foram diagnosticados com o coronavírus nos últimos dias, como o secretário de Comunicação, Fabio Wajngarten, e o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno.

EMGE

*O DomTotal é mantido pela Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE). Engenharia Civil conceito máximo no MEC.
Saiba mais!