Cultura Cinema

15/04/2020 | domtotal.com

Organização do Festival de Cannes cancela data e busca formas de ser realizado

Adiado pela primeira vez, mostra atrai 40 mil profissionais e cerca de 200 mil expectadores

Trabalhador caminha diante do Palácio dos Festivais, em Cannes, no sudeste da França
Trabalhador caminha diante do Palácio dos Festivais, em Cannes, no sudeste da França (AFP)

A organização do Festival de Cannes anunciou que o evento não mais vai ocorrer na nova data, entre o fim de junho e o início de julho. O anúncio foi feito depois que o presidente da França, Emmanuel Macron, determinou o prolongamento da quarentena no país até meados de julho por conta da pandemia do novo coronavírus.

Em nota, os organizadores afirmaram: "É claramente difícil acreditar que o Festival de Cannes possa ser realizado neste ano em seu formado original. Assim, iniciamos conversas com profissionais, na França e no exterior. Todos concordam que o festival deve explorar todas as contingências que permitam tornar real a edição de 2020”.

Realizado anualmente em maio, o festival atrai 40 mil profissionais e cerca de 200 mil expectadores. Para esta que será 73ª edição do evento, o diretor americano Spike Lee foi escolhido como presidente do júri.

"Os filmes feitos com a intenção de ir a Cannes, já que muitos são feitos e estão em conformidade com o calendário do festival, precisam de uma caixa de ressonância", disse Richard Patry, presidente dos gestores de salas de cinema da França. Organizar o festival "de uma forma ou de outra seria uma maneira de fazer renascer o mundo do cinema", acrescentou Patry, membro do conselho de administração de Cannes.

Muitos filmes que seriam lançados no segundo trimestre deste ano foram adiados, como o próximo James Boond e outros sucessos de bilheteria como Top Gun 2, Mulan ou Mulher Maravilha 1984.

O festival francês já foi cancelado ou interrompido no passado, mas nunca adiado. O caso mais conhecido foi o da edição de maio de 1968, interrompida por uma revolta dos cineastas, com Jean-Luc Godard e François Truffaut no comando, em apoio ao movimento estudantil e trabalhista da época.


Agência Estado/AFP/Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!