Religião

06/05/2020 | domtotal.com

Cardeal de Nova York se defende após carta criticando-o por conferência com Trump

Dolan ignora ações do presidente anti-vida do presidente e recebe duras críticas

O cardeal de Nova York Timothy M. Dolan faz sua homilia durante a missa de crisma na Catedral de São Patrício, na cidade de Nova York, em 16 de abril de 2019.
O cardeal de Nova York Timothy M. Dolan faz sua homilia durante a missa de crisma na Catedral de São Patrício, na cidade de Nova York, em 16 de abril de 2019. (CNS)

Por Christopher White
Crux

Mais de mil católicos assinaram uma carta aberta em protesto à teleconferência entre o cardeal Timothy Dolan com o presidente Donald Trump e uma entrevista na Fox News, classificando o presidente como "não pró-vida".

"Sua recente conferência com o presidente Trump e a aparição na Fox News envia uma mensagem de que os líderes católicos se alinharam com um presidente que destrói famílias imigrantes, nega as mudanças climáticas, estimula a divisão racial e apóia políticas econômicas que prejudicam os pobres", escreveram eles na carta publicada na sexta-feira com os nomes dos signatários.

"Por favor, fale a verdade ao poder e abstenha-se de dar a aparência de que os bispos podem interferir nesta eleição", continuou.

O site católico Crux foi o primeiro a relatar o conteúdo da conferência entre líderes católicos e o presidente, realizada no sábado passado.

Embora a videoconferência tenha sido organizada como um esforço para educadores católicos levantarem preocupações sobre o estado das escolas católicas que sofrem de déficits reduzidos de matrícula e orçamento em razão da pandemia do Covid-19, o presidente aproveitou a ocasião para defender repetidamente sua reeleição. Ele alertou que uma administração democrata não apoiaria os católicos em questões relacionadas ao aborto, liberdade religiosa e escolha de escolas. 

Dolan foi o primeiro líder católico a falar na chamada, onde agradeceu ao presidente e brincou que sua mãe diz que ele liga para o presidente mais do a ela.

Por sua parte, Trump se descreveu como o "melhor [presidente] da história da Igreja Católica", acrescentando que havia se livrado da Emenda Johnson, que proibia líderes religiosos de endossar candidatos, para que "você possa expressar sua opinião fortemente."

Em sua entrevista à Fox News no início desta semana, Dolan disse que saudou a liderança de Trump, acrescentando que “Todo mundo realmente passou, mas o presidente parece particularmente sensível ao - o que eu poderia dizer - aos sentimentos da comunidade religiosa."

“Nenhum partido político reflete completamente todos os aspectos do ensino social católico. Sou guiado pela minha fé, não pelo partidarismo ”, escreveram os signatários em protesto às recentes observações do cardeal. "Mas a extrema crueldade deste presidente e a falta básica de respeito à dignidade humana devem ser contestadas."

Entre os signatários estão John Gehring, Programa Católico de Fé e Ação na Vida Pública; irmã Simone Campbell, do Lobby da REDE para a Justiça Social Católica; Stephen Schneck, diretor executivo da Franciscan Action Network; e o padre Bryan Massingale, da Fordham University.

Na sexta-feira, Dolan pesou sobre as críticas que recebeu em uma entrevista online com o padre jesuíta Matt Malone, editor-chefe da America Media.

"Estou recebendo muito mais críticas sobre o que você pode chamar de certo", disse Dolan sobre sua colaboração com os líderes democratas de Nova York nos esforços de alívio aos coronavírus.

"Estamos na obra sagrada de acompanhamento, engajamento e diálogo ou não estamos?" perguntou.

Ele continuou citando o apelo do papa Francisco para a construção de pontes, dizendo que "podemos trazer à tona as coisas críticas" se houver relações estabelecidas para fazê-lo.

O cardeal de Nova York não ponderou se considerou inadequada a proposta do presidente de apoio à reeleição, citando apenas uma expressão italiana de que "você precisa fazer nhoque com a massa que tem".


Publicado originalmente por Crux


Receba notícias do DomTotal em seu WhatsApp. Entre agora:
https://chat.whatsapp.com/GuYloPXyzPk0X1WODbGtZU


Tradução: Gilmar Pereira



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!