Religião

25/05/2020 | domtotal.com

Irã reabre principais santuários xiitas

Televisão oficial transmitiu pela manhã imagens de fiéis chorando e correndo para o santuário do imã Reza

Santuário xiita Shah Abdol Azim em Teerã, em 25 de maio de 2020
Santuário xiita Shah Abdol Azim em Teerã, em 25 de maio de 2020 (AFP)

O Irã reabriu, nesta segunda-feira (25), os principais santuários xiitas, fechados em março para conter a pandemia de Covid-19, que causou mais de 7 mil mortes na República Islâmica.

Em Teerã, o santuário Shah Abdol Azim recebeu os fiéis muito cedo, segundo um jornalista. Eles tiveram que passar por um túnel desinfetado e só puderam entrar com máscaras e após controle de temperatura.

O santuário do imã Rezim em Mashhad (nordeste) e o santuário de Fátima Masumeh em Qom (centro) também reabriram sob medidas sanitárias, informou a agência de notícias oficial Irna. Os primeiros casos de coronavírus foram detectados em Qom em meados de fevereiro.

A televisão oficial transmitiu pela manhã imagens de fiéis chorando e correndo para o santuário do imã Reza. Em uma declaração em seu site, o santuário pediu aos visitantes que respeitem as medidas sanitárias, como o uso de máscaras e distanciamento social.

Reza é o oitavo dos doze santos imãs do xiismo. Ele é um dos imãs mais reverenciados do país. Esses santuários, assim como escolas, universidades e comércios não essenciais foram fechados em março.

Desde 11 de abril, Teerã autorizou uma reabertura gradual de empresas e suspendeu as restrições aos movimentos no país, apesar de um aumento recente nos casos de Covid-19. O saldo oficial da epidemia no Irã é 7.417 mortes em 135.701 casos confirmados.


Receba notícias do DomTotal em seu WhatsApp. Entre agora:
https://chat.whatsapp.com/IZ0DnZ5EcYe3hYzIcuFYBk


AFP



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!