Coronavírus

04/06/2020 | domtotal.com

Com 13 mil casos e 323 mortos por Covid-19, Minas tem 14 surtos do novo coronavírus

Avanço da doença preocupa o governador Romeu Zema e demais autoridades de saúde

Avanço da doença preocupa o governador Romeu Zema e demais autoridades de saúde
Avanço da doença preocupa o governador Romeu Zema e demais autoridades de saúde

As regiões Centro-Sul, Leste, Oeste, Sul, Centro e Vale do Aço concentram os 14 surtos de coronavírus em Minas Gerias. O panorama sobre a doença no estado foi passado pelo secretário de estado de Saúde (SES), Carlos Eduardo Amaral, em entrevista coletiva nesta quinta-feira (4).

Pelo segundo dia seguido, Minas Gerais bateu o recorde no número de infectados pelo novo coronavírus em 24 horas, com 1.024 novos casos registrados. Foram mais 17 mortes confirmados de quarta para quinta. São 13.044 infectados, 5.606 recuperados e 323 óbitos. Outras 176 mortes ainda estão em investigação.

"Os surtos mostram um pico muito rápido, mas ficamos muito atentos. Temos esses surtos atualmente. Alguns já estão em remissão, já estão passando daquela fase em que pudessem impactar no quantitativo geral e no risco de disseminação da doença na região", afirmou o secretário. Os surtos estão em 12 cidades que a pasta não revelou os nomes.

Em transmissão ao vivo pelas redes sociais nessa quarta-feira (3), o governador Romeu Zema (NOVO) mostrou preocupação com o avanço da doença no estado e citar o exemplo do Vale do Aço. “A pandemia tem se mantido sob controle em Minas Gerais, mas os dados têm crescido e têm nos preocupado”, disse. A cidade de Ipatinga já registrou ocupação de 100% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Belo Horizonte continua sendo a cidade com mais casos: 2.144. Em seguida, aparecem Uberlândia (1.116) e Juiz de Fora (671). Pelo menos 470 municípios mineiros já registraram ao menos um caso de Covid-19.

Tanto Minas Gerais quanto Belo Horizonte apresentam taxas de ocupação de leitos de UTI acima de 70%, conforme dados atualizados nesta quinta-feira (4).

A taxa de ocupação no estado está em 71%, dos quais 10% está com pacientes com sintomas de Covid-19.  Já a capital tem percentual um pouco maior: 77% de ocupação. No recorte para leitos específicos para pacientes com Covid-19, a ocupação chega a 63%. 

Em Belo Horizonte, a taxa de ocupação de leitos de UTI subiu dois pontos percentuais em relação à véspera e atingiu 77%. No caso dos leitos específicos para pacientes com Covid-19, a ocupação subiu quatro pontos percentuais e está em 63%.

BH

A Prefeitura de Belo Horizonte divulgou na quarta-feira (3), pela primeira vez, os números de mortes e de casos da Covid-19 por bairros. Os números foram coletados até o fim de maio.

Oeste e Centro-Sul são as regiões que lideram em número de casos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus.  Os bairros de Lourdes, Buritis, Belvedere, Funcionários e Gutierrez somam, juntos, 176 infectados.

Em relação em número de óbitos, o bairro Pompeia, Região Leste da capital, lidera com três óbitos. Outros 38 bairros da capital também já tiveram mortes confirmadas pela doença. São eles:

Alípio de Melo: 1
Anchieta: 1
Barro Preto: 2
Beija Flor: 1
Belmonte: 1
Belvedere: 1
Betânia: 1
Boa Vista: 1
Bom Jesus: 1
Campo Alegre: 1
Candelária: 1
Carlos Prates: 2
Casa Branca: 1
Copacabana: 1
Coqueiros: 1
Cruzeiro: 1
Estrela do Oriente: 1
Floresta: 1
Gutierrez: 1
Itaipu: 2
Itapoã: 2
Lindeia: 1
Maria Goreti: 1
Nova Cachoeirinha: 2
Novo Aarão Reis: 1
Ouro Preto: 1
Padre Eustáquio: 1
Paulo VI: 1
Pindorama: 1
Piratininga: 1
Santa Cruz: 1
Santa Efigênia: 1
Santa Sofia: 1
São Gabriel: 2
Serra: 1
Vera Cruz: 2
Vila Clvis: 1
Vista Alegre: 1


Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!