Religião

18/06/2020 | domtotal.com

Bento XVI visita irmão doente na Alemanha

Esta é a primeira vez que o papa emérito deixa território vaticano desde sua renuncia em 2013 ao governo da Igreja

O papa Bento XVI reza ao lado do irmão Georg Ratzinger em 14 de abril de 2012
O papa Bento XVI reza ao lado do irmão Georg Ratzinger em 14 de abril de 2012 (Osservatore Romano/AFP/Arquivos)

O papa emérito Bento XVI chegou nesta quinta-feira à Alemanha para visitar seu irmão, cujo estado de saúde piorou, anunciou a conferência episcopal alemã.

"Desejo ao papa emérito Bento XVI uma boa estadia na Alemanha e a privacidade necessária para cuidar de seu irmão", afirma a conferência episcopal em um comunicado. Bento XVI tem 93 anos e vive aposentado no Vaticano desde que renunciou ao papado em 2013.

O papa emérito foi acompanhado de seu secretário, uma das freiras que é sua cuidadora, um segurança do Vaticano, um médico e uma enfermeira. Esta é a segunda vez em sete anos que ele deixa seu retiro. Na ocasião anterior, ele passou alguns dias em Castel Gandolfo, perto de Roma. Contudo, esta é a primeira vez que deixa território vaticano desde sua renuncia. Atualmente vive com o arcebispo alemão Georg Gänswein e quatro religiosas italianas.

O irmão mais velho do papa emérito, o padre Georg Ratzinger, de 96 anos, está gravemente doente. "É talvez a última vez que se vejam neste mundo", declarou o porta-voz da arquidiocese de Ratisbona, Clemens Neck.

Os dois irmãos Ratzinger sempre foram muito unidos. Com diferença de idade de três anos, foram ordenados sacerdotes no mesmo dia, 29 de junho de 1951, na Catedral de Freising. As circunstâncias da vida os levaram a direções diferentes – Georg, um brilhante músico e Joseph, um grande teólogo –, mas o vínculo entre eles sempre se manteve firme. Prova disso são em particular as numerosas visitas que Georg Ratzinger fez ao Vaticano de 2005 a 2013, durante os anos do pontificado do seu irmão e também após a sua renúncia.

Em 2008, quando a cidade de Castel Gandolfo quis oferecer a cidadania honorária ao seu irmão, Bento XVI se expressou com estas palavras: “Desde que nasci, meu irmão não é apenas um companheiro para mim, mas também um guia confiável. Tem sido sempre um ponto de orientação e referência com a clareza e a determinação de suas decisões”. Palavras de grande afeto, nascidas em uma circunstância feliz e que os sentimentos do momento tornam ainda mais intensas.


AFP/ Vatican News/ Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!