Religião

27/06/2020 | domtotal.com

Feminismo e identidade católica: curso online discute o papel da mulher no século XXI

Pesquisadores da América e Europa analisarão os elementos para um novo feminismo baseado na Doutrina Social da Igreja. Evento oferecerá certificação internacional

Novo feminismo deve reconhecer a contribuição da mulher na Igreja e na vida pública.
Novo feminismo deve reconhecer a contribuição da mulher na Igreja e na vida pública. (Fa Barbosa/Unsplash)

Um congresso acadêmico online, com pesquisadores da Europa e América pretende apresentar uma proposta de um novo feminismo, a partir do pensamento social da Igreja Católica. Trata-se do VI Diplomado Internacional de Doutrina Social da Igreja, curso que é  organizado pela Academia Latino-americana de Líderes Católicos. Devido ao coronavírus, o evento será online de 11 a 25 de julho.

Entre os professores do Diplomado lecionarão Isabel Capeloa, reitora em Portugal e a primeira mulher a presidir, a nível mundial, aos reitores de universidades católicas; Flaminia Giovanelli, a primeira mulher a ser subsecretária na história do Vaticano; Marta Rodríguez, ex chefe da seção Mulher na Santa Sé; o cardeal Carlos Aguiar Retes, arcebispo primaz do México; Paola Binetti, senadora italiana e neuropsiquiatra especialista em biopolítica; Austeen Ivereigh, fundador da Vozes Católicas no Reino Unido; dom Thomas Wenski, arcebispo de Miami; Soledad Alvear, ex ministra de relações exteriores do Chile; Alexandra Peláez, secretária estadual de Educação na Colômbia e   o teólogo Mario Ángel Flores, membro da Comissão Teológica Internacional.

O congresso tem por objetivo analisar, a partir de uma antropologia filosófica da mulher, e a partir das raízes filosóficas do gênero e históricas do feminismo, a visão do pensamento social da Igreja sobre a mulher para apresentar uma proposta de um novo feminismo, a partir uma clara identidade cristã, que reconheça a contribuição da mulher na Igreja e na vida pública.

Este programa está dirigido a participantes tanto de língua espanhola como portuguesa; e contará com certificação internacional, que será outorgada pela Academia Latino-americana de Líderes Católicos e quatro universidades católicas latino-americanas: a Universidade Pontifícia do México, a Universidade Católica da Costa Rica, a Universidade Católica de Táchira na Venezuela e a Universidade Finis Terrae do Chile.

Para o diretor do programa, José Antônio Rosas, membro da Comissão Justiça e Paz da Conferência Episcopal do Chile e assessor da Escola Social do Celam, o tema de um novo feminismo carrega relevância no contexto atual, em que movimentos feministas irromperam na vida pública. "Nós vamos nos aproximar destes temas a partir de uma visão evangélica, que discerne aspectos positivos e negativos dos distintos feminismos; o reconhecimento de denúncias legítimas de situações injustas que violentam a dignidade do ser humano, assim como também o perigo da instrumentalização ideológica em que algumas vezes se tem incorrido", conta.

Devido à crise sanitária, serão oferecidas bolsas de 90% e 100% para lideranças políticas, acadêmicas, estudantis, pastorais e sociais da Europa e da América Latina. Mais informações ou inscrições no programa no http://www.liderescatolicos.net/diplomado2020/ O prazo limite para inscrições é 29 de junho, segunda-feira.


Redação Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!