Coronavírus

01/07/2020 | domtotal.com

Minas supera marca de mil mortes por Covid-19 três meses após o 1º óbito

Doença avança pelo estado e caminha para 50 mil infecções confirmadas

Minas ser aproxima do pico da Covid-19, previsto para a segunda quinzena deste ano
Minas ser aproxima do pico da Covid-19, previsto para a segunda quinzena deste ano (Gil Leonardi / Imprensa MG)

Três meses após registrar o primeiro óbito por Covid-19, Minas Gerais superou, nesta quarta-feira (1º), a marca de mil mortos pela doença. Conforme boletim epidemiológico divulgado hoje pela Secretaria de Estado de Saúde, o estado tem 1.007 mortes e 47.584 pacientes diagnosticados com o novo coronavírus. Outros 218 óbitos estão em investigação no estado. Foram registradas 42 mortes e 2.583 casos nas últimas 24 horas. 

As primeiras mortes em Minas ocorreram no dia 28 de março (um idoso de 79 anos - morador de Patos de Minas e uma idosa, também de 79 anos, de Paraisópolis). Em Belo Horizonte, o primeiro óbito foi registrado no dia 29 de março (uma idosa de 82 anos). 

O estado demorou 38 dias entre a primeira e a centésima morte; 15 dias para superar 200 óbitos; uma semana entre 300 e 400; e apenas quatro dias entre 800 e 900 óbitos.

“Hoje, Minas Gerais registra 1.007 vidas perdidas para o coronavírus. Não consigo imaginar a dor de quem perdeu um familiar ou amigo para essa doença, que é invisível e letal. Presto minha solidariedade e meus sentimentos a todos”, escreveu o governador Romeu Zema (Novo) em seu perfil oficial no Twitter.

A pasta ainda informa que 27.912 pacientes venceram a Covid-19 em Minas Gerais.Outros 5.646 precisaram de internação e 41.938 ficaram isolados em casa.



Agência Estado



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!