Direito Direito Internacional

21/07/2020 | domtotal.com

Bayer perde recurso na Califórnia em caso de herbicida glifosato que causou câncer

Apesar de não reverter decisão, empresa conseguiu reduzir indenização para US$ 78,5 mi

Dewayne Johnson escuta o veredito do processo contra o gigante agroquímico Monsanto, 10 de agosto de 2018, em San Francisco
Dewayne Johnson escuta o veredito do processo contra o gigante agroquímico Monsanto, 10 de agosto de 2018, em San Francisco Foto (POOL/AFP/Arquivos)

O grupo farmacêutico alemão Bayer perdeu nessa segunda-feira (20) o recurso contra o primeiro veredito em um caso envolvendo o herbicida Round'Up, acusado de causar um câncer em um jardineiro, embora o tribunal tenha reduzido o valor da indenização ao requerente.

Um júri em 2018 decidiu que a Monsanto, subsidiária da Bayer, atuou com "má vontade" ao ocultar o caráter potencialmente cancerígeno do glifosato contido em seus produtos e que os herbicidas contribuíram "consideravelmente" para o surgimento do linfoma terminal de Dewayne "Lee" Johnson, um jardineiro de 48 anos.

A Bayer foi condenada a pagar US$  250 milhões de dólares em indenização a Lee, um valor que acabou reduzido para US$78,5 milhões.

"Embora tenhamos chegado à conclusão de que uma redução dos danos concedidos é apropriada, não revogamos a sentença", declarou o painel composto por três juízes, ratificando a responsabilidade da Monsanto no caso. "Em nossa opinião, Johnson apresentou abundantes -e certamente substanciais- provas de que o glifosato, junto com outros ingredientes dos produtos Round'Up, causou seu câncer".

A Bayer declarou nesta segunda-feira que poderá apelar da decisão na Corte Suprema da Califórnia, segundo o jornal Wall Street Journal.

O grupo anunciou no final de junho um acordo envolvendo entre dez e onze bilhões de dólares para solucionar cem mil processos somente nos Estados Unidos, em particular relacionados ao RoundUp, que provocaram nervosismo entre os acionistas.


AFP



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!



Outras Notícias

Não há outras notícias com as tags relacionadas.