Esporte

03/08/2020 | domtotal.com

Corinthians e Palmeiras vencem, e final do Paulista tem Derby

Equipe alviverde venceu a Ponte Preta na semifinal; Timão derrotou o Mirassol

Palmeiras e Ponte Preta se enfrentaram no Allianz Parque
Palmeiras e Ponte Preta se enfrentaram no Allianz Parque (Cesar Greco/ Palmeiras)

Final do Campeonato Paulista terá Derby. Na semifinal, Corinthians venceu o Mirassol com o gol do volante Ederson e está na final do Campeonato pela quarta vez consecutiva. Já Palmeiras bateu a Ponte Preta por 1 a 0.

Corinthians e Mirassol se enfrentaram na Arena de Itaquera, neste domingo (02), pela semifinal da competição estadual.  O time comandado pelo técnico Tiago Nunes enfrentou uma forte marcação do Leão na primeira etapa e quase não ameaçou a meta adversária. Contudo, a expulsão do meia Juninho no segundo tempo e outro chute de fora da área do camisa garantiram a classificação para os donos da casa.

Corinthians x Mirassol

Apesar de jogar em casa, o Corinthians viu o Mirassol criar o primeiro lance de perigo. Aos 13 minutos, Zé Roberto foi derrubado na intermediária e o árbitro marcou a falta. Juninho foi para a cobrança e mandou no ângulo, exigindo grande defesa de Cássio para evitar o gol dos visitantes.

Enfrentando uma boa marcação dos adversários na primeira metade da etapa inicial, o Timão só foi ameaçar a meta mirassolense aos 25 minutos. Carlos Augusto foi até a linha de fundo, fez o cruzamento rasteiro e achou Mateus Vital, que emendou a finalização de primeira para carimbar a trave.

Três minutos depois, Ederson recebeu dentro da área e tocou para Jô. O camisa 77 tentou completar de letra, mas não conseguiu alcançar. A bola ainda passeou pela pequena área antes de ser afastada pelo defesa do Leão. Com isso, o empate sem gols persistiu até a saída para o intervalo.

No segundo tempo, o Corinthians quase chegou ao primeiro gol em chute de Luan. Aos oito minutos, o camisa 7 dominou a bola após cobrança de falta de Ramiro e bateu rasteiro no canto direito do goleiro Kewin. No entanto, o arqueiro adversário caiu para fazer grande defesa.

A situação mudou aos 14 minutos. Depois de revisão do VAR, Juninho levou um cartão vermelho por pisão em Carlos Augusto e deixou o Mirassol com um jogador a menos. Assim, o técnico Tiago Nunes resolveu jogar o time para frente, colocando Janderson e Sidcley em campo.

Em vantagem numérica, o Timão enfim abriu o placar. Aos 26 minutos, Ederson recebeu de Fagner na intermediária, arriscou a finalização de longa distância e viu o goleiro Kewin aceitar. Foi o terceiro gol do volante em nas três últimas partidas da equipe alvinegra.

O Corinthians ainda teve a chance de ampliar em duas oportunidades: aos 32 minutos, Luan cobrou escanteio fechado na primeira trave, Alison Silva desviou e mandou no travessão; e aos 35, Janderson chegou pela linha de fundo, chutou cruzado e obrigou Kewin se esticar para evitar o gol. Contudo, o 1 a 0 persistiu até o apito final.

Palmeiras x Ponte Preta

O Palmeiras garantiu presença na decisão do Campeonato Paulista na noite deste domingo. Com um triunfo por 1 a o no Allianz Parque, o time alviverde eliminou a Ponte Preta na semifinal.

No primeiro tempo, após desperdiçar várias oportunidades, o Palmeiras conseguiu abrir o placar por meio do jovem Patrick de Paula. Na etapa complementar, a Ponte Preta saiu mais para buscar a igualdade, mas o goleiro Weverton foi seguro sempre que exigido.

Logo no começo da partida, de canhota, Gabriel Menino cruzou da direita e Rony completou de cabeça para Ivan rebater. Pouco depois, inspirado, o jovem volante percebeu a entrada do companheiro por trás da marcação e passou para chute cruzado do atacante, novamente defendido pelo goleiro adversário.

Em nova estocada do Palmeiras, Diogo Barbosa cobrou escanteio da esquerda e Gustavo Gomez cabeceou no travessão. O time casa quase saiu na frente quando Luiz Adriano ajeitou para chute de Willian, mas o goleiro Ivan mais uma vez conseguiu defender.

De tanto pressionar, o Palmeiras fez o primeiro aos 45 minutos da etapa inicial. Ao cortar lançamento em profundidade, Apodi rebateu para o meio. Patrick de Paula ajeitou e bateu de fora da área. A bola desviou em Wellington Carvalho e enganou Ivan, até então com atuação impecável.

No começo do segundo tempo, após saída de bola errada do Palmeiras, João Paulo recebeu de Roger e bateu forte para defesa de Weverton. Pouco depois, Willian passou para Gabriel Menino dentro da área e viu o companheiro acertar a rede pelo lado de fora.

Em busca do empate, a Ponte Preta passou a se expor mais e quase levou o segundo. Diogo Barbosa cruzou da esquerda e Zé Rafael bateu. Bruno Henrique desviou e o goleiro Ivan defendeu parcialmente. No rebote, Gabriel Menino finalizou em cima da marcação.

Em jogada de contra-ataque, Roger recebeu de cruzamento de Bruno Rodrigues da esquerda e completou para boa defesa Weverton. O Palmeiras respondeu com chute no travessão disparado por Gustavo Scarpa de fora da área. Os dois técnicos exploraram o banco de reservas até o final, mas o placar permaneceu inalterado no Allianz Parque.


Gazeta Esportiva/ Dom Total



Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!