Brasil Política

06/08/2020 | domtotal.com

Secretário de Transportes de SP, Alexandre Baldy é preso em operação da Lava Jato

Ex-ministro e ex-deputado federal, Alexandre Baldy é suspeito de integrar conluio entre empresários e agentes públicos

A operação é um desdobramento das investigações realizadas no âmbito das operações Fatura Exposta, Calicute e SOS
A operação é um desdobramento das investigações realizadas no âmbito das operações Fatura Exposta, Calicute e SOS (Cesar Itiberê/PR)

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta, 6, a Operação Dardanários para desarticular conluio entre empresários e agentes públicos, que tinham por finalidade contratações dirigidas, especialmente na área da Saúde. A ofensiva apura crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Segundo a PF, três pessoas já foram presas, entre elas o secretário dos Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo Alexandre Baldy.

Antes de assumir o cargo no governo Doria, Baldy foi eleito deputado federal em 2014, mas licenciou-se em novembro de 2017 para assumir o Ministério das Cidades durante o governo Temer. Antes de ser deputado, foi secretário de Indústria e Comércio de Goiás, entre 2011 e 2013.

A operação é um desdobramento das investigações realizadas no âmbito das operações Fatura Exposta, Calicute e SOS, que apuram desvios de recursos do Rio de Janeiro repassados para Organização Social que administrou diversos hospitais no Estado e em outros locais do país.

Os policiais federais cumprem seis mandados de prisão e 11 de busca e apreensão nas cidades de Petrópolis (RJ), São Paulo (SP), São José do Rio Preto (SP), Goiânia (GO) e Brasília (DF). 

Os mandados foram expedidos pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro."O nome da operação faz referência aos agentes de 'negócios', atravessadores que intermediavam as contratações dirigidas", afirmou a PF em nota.

Aguarde mais informações


Agência Estado/Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!