Esporte

12/08/2020 | domtotal.com

Maratona de Paris é adiada para 2021 após novo surto da Covid-19 no país

Prova já havia sido remarcada duas vezes; Meia Maratona também não acontecerá esse ano

A Maratona de Paris costuma atrair cerca de 40 mil corredores
A Maratona de Paris costuma atrair cerca de 40 mil corredores (AFP)

A organização da Maratona de Paris, uma das mais tradicionais provas do calendário do atletismo, anunciou nesta quarta-feira (12) o cancelamento da edição de 2020. Inicialmente marcada para 5 de abril, a prova foi adiada pela primeira vez para 18 de outubro e remarcada para 15 de novembro. No entanto, um novo surto de Covid-19 na França obrigou os promotores do evento a tomarem a decisão pela não realização neste ano. 

A corrida de 42,195 quilômetros percorre todos os anos os locais mais emblemáticos da capital francesa como os Campos Elísios, Bastilha, Catedral de Notre-Dame e a Torre Eiffel. "Perante a impossibilidade de muitos participantes se colocarem à disposição para estes eventos e em particular aqueles, muitos, vindos de vários países estrangeiros e com as atuais dificuldades de deslocação, decidiu-se marcar um encontro com todos em 2021", afirmou a organização em um comunicado oficial.

Os participantes já inscritos para a edição de 2020, ainda de acordo com a nota da empresa organizadora ASO (Amaury Sport Organization), "poderão, se quiserem, ficar já registrados para 2021". A Meia Maratona de Paris, também adiada duas vezes e remarcada para 18 de outubro, é outra que não acontecerá neste ano. 

"Depois de ter tentado de tudo para manter o evento, nós, junto com a Prefeitura de Paris, nos sentimos obrigados a cancelar a edição 2020 da Maratona de Paris. Estaremos trabalhando lado a lado com a cidade de Paris para realizar uma edição de 2021 que reúna os corredores mais apaixonados nas ruas mais bonitas do mundo", completou a nota. 

A Maratona de Paris costuma atrair cerca de 40 mil corredores. A França voltou a registrar mais de mil novos casos de Covid-19 por dia, com quase 1,4 mil pessoas diagnosticadas nas últimas 24 horas. Durante toda a pandemia, o país teve mais de 204 mil casos e mais de 30 mil mortes. 

Além da prova de Paris, outras tradicionais maratonas foram canceladas neste ano. Foi a primeira vez desde 1897 que a Maratona de Boston, nos Estados Unidos não foi realizada. Nova York, Chicago e Berlim também cancelaram as suas corridas.


Agência Estado



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!