Economia

14/09/2020 | domtotal.com

Nova cerveja brasileira tem preço indexado ao desmatamento amazônico

Se o desmatamento reduz, o preço da cerveja cai e se ele aumenta, a bebida fica mais cara

Barco navega no rio Juruá, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Uacari, município de Carauari, no coração da Amazônia brasileira
Barco navega no rio Juruá, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Uacari, município de Carauari, no coração da Amazônia brasileira (Florence Goisnard/AFP)

Uma empresa brasileira lançou uma cerveja que varia de preço semanalmente dependendo do aumento ou diminuição do desmatamento na Amazônia. O preço da Colorado Amazônica, produzida pela Ambev, é ajustado pela comparação da média do desmatamento semanal das últimas quatro semanas com o mesmo período do ano passado.

"Quando reduz o desmatamento, cai o preço da cerveja e quanto menor a floresta, mais cara será a lata de Colorado Amazônica", explicou a empresa em nota.

A Colorado Amazônica, vendida em latas de 310 mililitros, chegou ao mercado no dia 3 de setembro com o preço inicial de R$ 5,49. Mas no primeiro reajuste, feito na última quinta-feira (10), passou a custar R$ 8,01, um aumento de 45,9%.

Feita de forma artesanal com ingredientes amazônicos, a cerveja hoje é vendida apenas em duas lojas virtuais da Ambev, e 100% da receita vai para uma rede de comunidades indígenas, ribeirinhos e agricultores familiares do Pará.

Essa criativa iniciativa ambiental ocorre em meio a polêmicas internacionais sobre os altos índices de desmatamento na Amazônia, pelos quais muitos culpam o presidente Jair Bolsonaro, defensor da abertura da floresta para atividades como a mineração e a agropecuária.

Segundo os últimos dados oficiais, o desmatamento – responsável por grande parte das queimadas na Amazônia – caiu 21% frente a agosto do ano passado, embora entre janeiro e agosto a redução tenha sido de apenas 5% em relação ao mesmo período de 2019, quando todos os recordes foram alcançados.


AFP



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!