Mundo

19/09/2020 | domtotal.com

Agentes federais interceptam carta com veneno fatal direcionado à Casa Branca

A ricina é o veneno mais forte do reino vegetal, 6 mil vezes mais poderoso que o cianeto

Funcionários do Departamento de Defesa dos Estados Unidos examinam a correspondência quando ela chega a uma instalação do governo dos EUA perto do Pentágono, em Washington
Funcionários do Departamento de Defesa dos Estados Unidos examinam a correspondência quando ela chega a uma instalação do governo dos EUA perto do Pentágono, em Washington (Thomas WATKINS/AFP)

Agentes federais interceptaram um envelope endereçado à Casa Branca contendo veneno. A carta foi identificada por um equipamento do governo que escaneia as correspondências direcionadas à Casa Branca e ao presidente Donald Trump. As informações foram fornecidas, neste sábado (19), por um agente federal que afirma não poder comentar investigações em andamento.

Investigadores estão trabalhando para identificar a procedência do envelope e para quem ele foi enviado. O FBI, junto com o Serviço Secreto Americano e o Serviço de Inspeção Postal dos EUA lideram as investigações. Testes preliminares apontaram a presença do veneno ricina, presente em sementes de mamona.

Em comunicado, o FBI informou que agentes estão investigando uma "correspondência suspeita recebida em uma instalação postal do governo dos EUA". O pronunciamento diz ainda que "não foi identificada nenhuma ameaça à segurança pública"

"O FBI, o Serviço Secreto dos Estados Unidos e o Serviço de Inspeção Postal estão investigando uma carta suspeita recebida no correio do governo", disse a polícia federal. "Atualmente, não há ameaça à segurança", acrescentou o FBI.

De acordo com fontes anônimas citadas pelo The New York Times e CNN, dois testes realizados no produto encontrados neste e-mail suspeito estabeleceram que se tratava de ricina. A ricina é o veneno mais forte do reino vegetal, 6 mil vezes mais poderoso que o cianeto. É uma substância mortal se ingerida, inalada ou injetada e para a qual não existe antídoto.


AFP/Agência Estado/Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!