Religião

04/10/2020 | domtotal.com

Publicada nova encíclica do papa: Frattelli Tutti

Saiba tudo sobre o documento que trata da amizade social e a fraternidade humana

Papa Francisco durante sua breve estadia em Assis para assinatura de sua nova encíclica
Papa Francisco durante sua breve estadia em Assis para assinatura de sua nova encíclica (Vatican Media)

Gilmar Pereira

A nova encíclica do papa Francisco, Fratelli Tutti, foi apresentada ao mundo pelo santo padre na manhã deste domingo (4), na praça de São Pedro durante a oração do Angelus. O documento, que foi assinado na tarde do dia anterior junto ao túmulo de São Francisco, em Assis, trata da fraternidade e da amizade social.

Esta é a terceira encíclica de Francisco, sendo as anteriores Lumen Fidei (2013), Laudato si (2015). Antes de seu lançamento, o documento se viu envolto na controvérsia de seu título. Alguns quiseram ver nele algum tipo de machismo porque sua tradução, "Todos irmãos", excluiria as mulheres. Entretanto, a texto inicia com uma citação de São Francisco e, como é costume eclesial, as primeiras palavras de uma encíclica são as que a nomeiam.

Muitas especulações e expectativas se criaram sobre Fratelli Tutti, uma vez que já se sabia que Francisco retomaria algo da Declaração de Abu Dhabi, assinada conjuntamente com grande imã de Al Azhar, Ahmed At-Tayyeb, nos Emirados Árabes Unidos, que também trata da fraternidade humana. Além desse documento, o papa já havia anunciado que retomaria suas reflexões sobre a pandemia de Covid-19.

O lançamento da encíclica se deu por ocasião da memória litúrgica de São Francisco de Assis, de quem o pontífice toma o nome e a inspiração do espírito fraterno que evoca no documento. Da janela do palácio apostólico, Francisco fez uma breve homilia sobre a parábola dos maus vinhateiros antes da oração do Angelus, tratando da responsabilidade que cada um tem em dar frutos para o Reino de Deus.

Após a benção, Francisco comentou sobre a Fratelli tutti. "Os sinais dos tempos mostram claramente que a fraternidade humana e o cuidado da criação formam o único caminho em direção ao desenvolvimento integral e a paz", refletiu, fazendo a ligação entre este documento e a Laudato si. Ele também anunciou o retorno das impressões do jornal vaticano L'Osservatore Romano, onde a encíclica foi publicada, e o encerramento do "Tempo de criação", período em que a Igreja e outras religiões celebraram um jubileu pela Terra.

Analisando a encíclica, Carlos César Barbosa, em Nova encíclica procura responder às questões de um mundo em crise, desenvolve seu panorama geral; Mirticeli Medeiros, em Nova encíclica é o testamento de Francisco, trata das novidades do documento; Júlio Simões, em 'Fratelli Tutti': um tapa na cara do 'cristianismo de mercado', atenta-se para os incômodos que o texto pode suscitar.



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!