Esporte Futebol Nacional

11/10/2020 | domtotal.com

Após empate com lanterna Oeste, Cruzeiro anuncia demissão de Ney Franco

Auxiliar técnico fixo Célio Lúcio, ex-zagueiro do clube, vai comandar os treinamentos nesta semana

Ney Franco só dirigiu o time sete vezes, com duas vitórias, um empate e quatro derrotas e, por este retrospecto, acabou caindo.
Ney Franco só dirigiu o time sete vezes, com duas vitórias, um empate e quatro derrotas e, por este retrospecto, acabou caindo. (: Bruno Haddad/Cruzeiro)

Ney Franco não é mais o treinador do Cruzeiro. A diretoria comunicou a sua demissão momentos depois do empate sem gols com o lanterna Oeste, na tarde deste domingo, em Barueri pela 15.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Ele só dirigiu o time sete vezes, com duas vitórias, um empate e quatro derrotas e, por este retrospecto, acabou caindo.

O treinador foi anunciado há um mês para substituir Enderson Moreira. "Infelizmente, após essa sequência aí, acabamos de bater um papo no vestiário, não é nem do nosso perfil ter essa conversa no vestiário, mas acho que o momento não tinha como agir de outra forma. Batemos um papo com o Ney Franco de forma muito amigável e resolvemos encerrar o ciclo dele", anunciou o presidente Sérgio Santos Rodrigues no canal oficial do clube no YouTube.

A diretoria vai passar a buscar um nome no mercado a partir de agora. O auxiliar técnico fixo Célio Lúcio, ex-zagueiro do clube, vai comandar os treinamentos nesta semana, quando a delegação vai ficar concentrada em Atibaia até que o clube feche com o substituto de Ney Franco.

"Não existem especulações de nomes, como haviam ventilado. Não há conversa com ninguém, até porque o profissionalismo e o respeito que a gente prega determina que antes a gente converse com o técnico que estava empregado aqui", garantiu o presidente

Antes de Ney Franco, outros dois treinadores haviam passado pelo Cruzeiro nesta temporada: Adilson Batista e Enderson Moreira, este já no início da Série B. Sem ganhar há três jogos, o Cruzeiro tem 12 pontos e é o penúltimo colocado. Primeiro time fora da zona de rebaixamento, o Botafogo-SP tem 14 pontos.

Tropeço

O Cruzeiro voltou a jogar mal e perdeu a chance de deixar a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série B na tarde deste domingo ao empatar sem gols com o Oeste, na Arena Barueri, pela 15.ª rodada.

Os dois times são os donos das duas piores campanhas do campeonato. O Oeste voltou a pontuar depois de cinco derrotas seguidas, mas segue na lanterna, com sete pontos. Já o Cruzeiro chegou ao terceiro jogo sem vitória e é o penúltimo colocado, com 12 pontos.

Diante da pressão sobre os dois clubes, o primeiro tempo foi de muitos passes errados e poucos lances de perigo. Ligeiramente melhor, o Cruzeiro encontrou dificuldades para criar e assustou o goleiro Luiz em apenas duas oportunidades.

Na primeira, aos 11 minutos, Rafael Luiz cruzou e Arthur Caíke cabeceou tirando de Luiz, mas a bola foi pela linha de fundo. Na sequência, Daniel Guedes escapou pela esquerda, puxou para o meio e bateu colocado rente à trave.

A melhor oportunidade do primeiro tempo, porém, foi do Oeste. Aos 39 minutos, Eder Sciola deu grande lançamento para Mazinho, que invadiu a área e bateu para fora, perto da meta de Fábio. Nos acréscimos, Machado cobrou falta e Luiz espalmou para escanteio.

Os dois times voltaram com as mesmas alterações do intervalo e o Cruzeiro começou em cima do Oeste. Aos 11 minutos, a zaga rubro-negra tirou cruzamento para dentro da área e Jadson pegou de primeira, mandando pertto da trave de Luiz.

Em uma das únicas chances que teve no jogo, o centroavante Sassá subiu livre e não conseguiu desviar em direção ao gol. A resposta do Oeste veio em chute de Fabrício Oya nas mãos de Fábio. Nos minutos finais, a partida ganhou em emoção.

Luan desviou cobrança de falta e só não marcou porque Fábio foi buscar no cantinho. Na sequência, Regis cobrou falta na barreira e depois pegou o rebote, mandando nas mãos de Luiz.

O Oeste volta a campo no próximo sábado, contra o Confiança, às 16h30, na Arena Batistão, em Aracaju. Na sexta-feira, o Cruzeiro recebe o Juventude, às 21h30, no Mineirão, em Belo Horizonte. Os jogos são válidos pela 16ª rodada.

FICHA TÉCNICA

OESTE 0 X 0 CRUZEIRO


OESTE
- Luiz; Éder Sciola, Renan Fonseca, Matheus Dantas e Gustavo Salomão; Betinho (Lídio), Yuri, Caio (Kauã Jesus), Marlon (Madson) e Mazinho (Fabrício Oya); Welliton (Luan). Técnico: Thiago Carpini.

CRUZEIRO - Fábio; Rafael Luiz, Manoel, Ramon e Daniel Guedes; Jadsom Silva (Maurício), Jadson, Machado (Régis), Airton e Arthur Caíke (Adriano); Sassá (Zé Eduardo). Técnico: Ney Franco

ÁRBITRO - Alisson Furtado (TO).

CARTÕES AMARELOS - Yuri, Matheus Dantas e Gustavo Salomão (Oeste); Machado (Cruzeiro).

RENDA E PÚBLICO - Portões fechados.

LOCAL
- Arena Barueri, em Barueri (SP).


Agência Estado/Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!