Brasil Política

23/10/2020 | domtotal.com

Efeito Bolsonaro? Russomanno cai de 27% para 20% e é ultrapassado por Covas em SP

É a primeira vez que o instituto mostra o prefeito e candidato a reeleição Bruno Covas (PSDB) numericamente à frente na disputa

A queda vertiginosa acontece com maior utilização do aliado Jair Bolsonaro com na campanha de Russomanno.
A queda vertiginosa acontece com maior utilização do aliado Jair Bolsonaro com na campanha de Russomanno. (Divulgação e Britto Júnior/Câmara)

O candidato do Republicanos à Prefeitura de São Paulo, Celso Russomanno, caiu de 27% para 20% das intenções de voto, de acordo com pesquisa Datafolha divulgada nessa quinta-feira (22). A queda vertiginosa acontece com maior utilização do aliado Jair Bolsonaro com na campanha de Russomanno.

O levantamento, o primeiro feito pelo instituto após o início do horário eleitoral, mostra o prefeito e candidato a reeleição Bruno Covas (PSDB) pela primeira vez numericamente à frente na disputa. O tucano oscilou positivamente dois pontos e agora tem 23%.

Pela margem de erro, de três pontos porcentuais, Covas e Russomanno ainda estão tecnicamente empatados. O levantamento anterior havia sido divulgado em 8 de outubro.

Na sequência aparecem Guilherme Boulos (PSOL), que oscilou de 12% para 14%, o ex-governador Márcio França (PSB), com 10%, e Jilmar Tatto (PT) e Arthur do Val (Patriota), ambos com 4%.

Joice Hasselmann (PSL) têm 3% e Andrea Matarazzo (PSD), 2%. Marina Helou (Rede), Orlando Silva (PCdoB), Levy Fidelix (PRTB) e Vera Lúcia (PSTU) estão com 1%. Antonio Carlos Silva (PCO) e Felipe Sabará (Novo) tiveram menos de 1%. Os eleitores que declararam que não votarão em candidatos, ou votarão em branco/nulo somam 13% e 3% não souberam responder.

O levantamento na cidade de São Paulo ouviu 1.204 eleitores maiores de 16 anos e foi feito entre terça-feira, 20, e quarta-feira, 21. A pesquisa está registrada na Justiça Eleitoral: SP-02125/2020 e tem nível de confiança de 95%.


Pesquisa XP/Ipespe

A quarta pesquisa de intenção de votos para a Prefeitura de São Paulo da XP Investimentos com o Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe) aponta a manutenção do empate técnico entre os candidatos Celso Russomanno (Republicanos) e Bruno Covas (PSDB). No levantamento estimulado, o deputado federal tem 27% e o atual prefeito e candidato à reeleição, 25%. Como a margem de erro é de 3,5 pontos porcentuais (pp) para mais ou para menos, o cenário é de igualdade.

Na sequência aparecem Guilherme Boulos (PSOL), com 12%; o ex-governador Márcio França (PSB), com 8%; e Jilmar Tatto (PT), com 4%. Arthur do Val (Patriota), Andrea Matarazzo (PSD) e Joice Hasselmann (PSL) têm 2%; Marina Helou (Rede), Orlando Silva (PCdoB) e Levy Fidelix (PRTB) estão com 1%. Os outros candidatos não foram citados.

No levantamento espontâneo, Covas está na frente, com 16%. Apesar da vantagem numérica, o prefeito está empatado tecnicamente com Russomanno e Boulos, ambos com 10%. França tem 5% nesse tipo de levantamento; Arthur do Val e Tatto, 3%; Matarazzo e Joice, 1%. Outros 39% não souberam ou não responderam e 12% declaram, nessa pesquisa espontânea, que votarão em branco ou anularão o voto.

O levantamento na cidade de São Paulo ouviu 800 eleitores por telefone e foi feito entre segunda-feira (19) e terça-feira (20). A pesquisa está registrada no TSE sob o número: SP-03538/2020.


Agência Estado/Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!