Cultura Literatura

04/01/2021 | domtotal.com

O ambicioso 'Dicionário Alemão' dos irmãos Grimm foi concluído há 60 anos

Em 4 de janeiro de 1961, era publicado o último volume do 'Deutsches Wörterbuch', iniciado por Jacob e Wilhelm Grimm em 1838. A obra, superlativo em vários campos, unificou o idioma alemão.

Na Alemanha, o dicionário também é conhecido como 'Der Grimm'
Na Alemanha, o dicionário também é conhecido como 'Der Grimm' (Picture alliance/dpa/DW)
DW

Extremamente pesado e composto por 32 volumes: o Dicionário Alemão (Deutsches Wörterbuch) dos irmãos Grimm é uma obra de superlativos. Os pesquisadores etnográficos Jacob e Wilhelm Grimm categorizaram a letra "A" como "o mais nobre e o mais original de todos os sons". O importante dicionário diacrônico (desenvolvimento de uma língua ao longo do tempo) iniciado pelos irmãos Grimm é considerado o mais abrangente da língua alemã.

A sequência de letras "AA", além de um nome de rio bastante corriqueiro na Alemanha, também tem a explicação de que, na linguagem infantil, "aa machen" significa "fazer cocô".

Esse foi o prelúdio linguístico para um projeto megalomaníaco que os irmãos Grimm iniciaram em Kassel em 1838. Eles queriam registrar a origem e o uso de cada palavra alemã, na verdade, todo o novo alto-alemão, de Lutero a Goethe, "em todos os detalhes". Um plano ambicioso e uma obra secular.

Como tudo começou

O projeto foi iniciado num momento em que os dois professores de linguística dispunham de muito tempo, pois haviam sido demitidos da Universidade de Göttingen, após protestarem contra a suspensão da constituição local pelo novo rei de Hanover.

Enquanto Jacob e Wilhelm Grimm estavam desempregados, o editor Salomon Hirzel, de Leipzig, os encorajou a "compilar um novo e grande dicionário da língua alemã". Hirzel se ofereceu para publicar o projeto. Em 1838, os irmãos começaram a trabalhar no Dicionário Alemão. Uma tarefa gigantesca que eles não conseguiram completar.

O projeto também tinha uma dimensão política, de busca de unidade nacional. O objetivo era unir a Alemanha, na época fragmentada em pequenos reinos. A "diversidade de dialetos" deve ser preservada, disse Wilhelm Grimm: "A linguagem escrita é a coisa comum que conecta todas as tribos". O empreendimento ganhou força e acabou envolvendo mais de 80 funcionários que, junto com os Grimm, logo reuniram meio milhão de documentos históricos linguísticos.

Em um encontro de linguistas em 1846, Wilhelm Grimm pediu paciência a seus colegas. O dicionário, que os irmãos pretendiam terminar em dez anos, ainda não estava pronto: "Uma obra deste tipo requer um longo e árduo trabalho preparatório, cuja conclusão não pode ser forçada."

O primeiro volume só seria publicado em 1854. Cinco anos depois, morria Wilhelm Grimm, responsável pela letra "D". Jacob conseguiu terminar A, B, C e E. Quando morreu, em 1863, ele estava na palavra "Frucht" (fruto).

Prosseguimento durante a Guerra Fria

A obra seria concluída 107 anos após a publicação do primeiro volume. Gerações de filologistas assumiram o gigantesco projeto após a morte dos irmãos Grimm. A partir do governo de Otto von Bismarck, em 1862, a Academia Prussiana de Ciências cuidou da implementação do dicionário. A tarefa prosseguiu mesmo durante a Guerra Fria, tanto na Alemanha Oriental quanto na Ocidental. Finalmente, em 4 de janeiro de 1961, era publicado o último volume, com a última entrada para a letra "Z", "Zypressenzweig" (ramo de cipreste).

Nesta época, os verbetes originais reunidos pelos Grimm no século 19 já estavam tão desatualizadas que estavam sendo completamente revisados. Este trabalho só seria concluído em 2016. Após 178 anos, era colocado o ponto final no Dicionário Alemão de Jacob e Wilhelm Grimm.

Hoje, a obra, que em forma analógica pesa 84 quilos, está disponível na versão digital. Trata-se de uma obra monumental sobre o idioma alemão, que consta inclusive no Guinness. Os 32 volumes do dicionário reúnem 350 mil verbetes em 70 mil colunas, com a indicação de mais de 25 mil fontes. O Dicionário Alemão documenta a história da língua alemã desde o alto-alemão antigo do século 8º até o estágio linguístico do século 20.

DW



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!