Religião

20/01/2021 | domtotal.com

Jesuíta abre mandato de Biden invocando a presença de Deus

Leia a íntegra da prece do padre Leo O'Donovan, SJ na posse do novo presidente dos Estados Unidos

O padre Leo O'Donovan discursa durante a cerimônia de posse do segundo presidente católico da história dos EUA, Joe Biden
O padre Leo O'Donovan discursa durante a cerimônia de posse do segundo presidente católico da história dos EUA, Joe Biden (CNN/Reprodução)

Gilmar Pereira

O padre jesuíta Leo O'Donovan fez a prece de invocação à Deus sobre o presidente Joe Biden durante a cerimônia de sua posse, nesta quarta-feira (20), em Washington. Durante a oração, o religioso pediu para que Deus renovasse a visão de unidade e equidade de todo o país.

O pedido para que O'Donavan fizesse a prece veio próprio Biden, fruto de uma amizade de longas décadas, que remonta ao período que aquele era reitor da Universidade de Georgetown e o filho deste, Hunter Biden, estava na graduação. Tanto o padre como o presidente compartilham da tentativa (e consequente crítica) de buscar equilibrar o ensino da Igreja com questões sociais complexas.

Pertencente à Companhia de Jesus, padres e irmãos jesuítas, O'Donavam tem como missão a direção no país do Serviço Jesuíta de Migrantes e Refugiados. A proximidade com a causa dos mais necessitados levou o padre muitas vezes a ser crítico à administração de Donald J. Trump, especialmente no que se refere aos refugiados e à imigração. Sendo da mesma ordem de Jorge Mario Bergoglio, o papa Francisco, o jesuíta não pode deixar de citá-lo em sua prece, lembrando a importância de sonhar juntos.

Leia a íntegra:

Deus gracioso e misericordioso, neste tempo santo viemos diante de vós - em verdade, suplicantes. Mas nos achegamos ainda mais com esperança, e com nossos olhos erguidos novamente para a visão de uma "união mais perfeita" em nossa terra, uma união de todos os nossos cidadãos para "promover o bem-estar geral e garantir as bênçãos da liberdade para nós e nossa posteridade."

Somos um povo de muitas raças, credos e cores, origens, culturas e estilos - agora muito mais numerosos e em terras muito mais vastas do que quando o arcebispo John Carroll escreveu sua oração pela posse de George Washington 232 anos atrás.

O arcebispo Carroll orou para que vós, ó Criador de tudo, "auxilies com vosso Santo Espírito de conselho e fortaleza o presidente destes Estados Unidos, para que seu governo seja conduzida com retidão e seja eminentemente útil para seu povo".

Hoje, confessamos nossas faltas passadas em viver de acordo com nossa visão de igualdade, inclusão e liberdade para todos. No entanto, comprometemo-nos ainda mais resolutamente agora a renovar esta visão, a cuidar uns dos outros em palavras e ações, especialmente os menos afortunados entre nós, e assim nos tornarmos uma luz para a qual o mundo pode olhar.

Há um poder em cada um de nós que vive nos rondando, um impulso do espírito para acalentar, cuidar e apoiar os outros e, acima de tudo, os que mais precisam. Chama-se amor e seu caminho é dar cada vez mais de si mesmo.

Hoje, é chamado de patriotismo americano, nascido não do poder e do privilégio, mas do cuidado com o bem comum - "sem malícia para ninguém e com caridade para todos".

Para nosso novo presidente, imploramo-vos a sabedoria que Salomão buscou quando se ajoelhou diante de vós e orou por "um coração compreensivo para que eu possa governar seu povo e saber a diferença entre o certo e o errado".

Santo Mistério do Amor, ajude-nos sob nosso novo presidente a reconciliar o povo de nossa terra, restaurar nosso sonho e investi-lo com paz e justiça e a alegria que é a abundância do amor.

Confiamos no conselho da Carta de Tiago: "Se algum de vocês tem falta de sabedoria, peça a Deus, que dá generosamente a todos sem censurar, e lhes será dado".

Papa Francisco nos lembrou "como é importante sonhar juntos ... Sozinhos, corremos o risco de ver miragens, coisas que não existem. Os sonhos, por outro lado, são construídos juntos. "

Esteja conosco, Santo Mistério do Amor, enquanto sonhamos juntos. Ajude-nos sob nosso novo presidente a reconciliar o povo de nossa terra, restaurar nosso sonho e investi-lo com paz e justiça e a alegria que é a abundância do amor.

Para a glória do seu nome para sempre.

Amém.


Tradução: Gilmar Pereira



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!