Meio Ambiente

23/03/2021 | domtotal.com

ONU se compromete a investir US$ 775 milhões no fundo de desenvolvimento da Amazônia

Compromisso foi firmado pelo presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Mauricio Claver-Carone

Só em 2020, a floresta amazônica brasileira perdeu 8.426 km2 por causa do desmatamento. O número preocupa especialistas, que questionam a política ambiental de Bolsonaro
Só em 2020, a floresta amazônica brasileira perdeu 8.426 km2 por causa do desmatamento. O número preocupa especialistas, que questionam a política ambiental de Bolsonaro (AFP)

O presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Mauricio Claver-Carone, anunciou no último domingo (21) que as Nações Unidas apoiarão com US$ 775 milhões o fundo de desenvolvimento sustentável da Amazônia lançado na assembleia anual da organização.

"Nós do BID colocamos US$ 20 milhões para criar o fundo e começar a avaliar os projetos, e já recebemos um compromisso do Fundo Verde do Clima de US$ 775 milhões para esses projetos", disse durante o encerramento da reunião de governantes do BID realizada entre quarta-feira (17) e domingo na Colômbia. "Com outros contribuintes, temos perspectivas de mais de US$ 1 bilhão", acrescentou.

Claver-Carone divulgou na quinta-feira (18) a contribuição inicial do Banco à iniciativa para a Amazônia em um evento que contou com a presença do presidente da Colômbia, Iván Duque, e a participação virtual do presidente brasileiro, Jair Bolsonaro.

O BID terá como foco a "bioeconomia", com "novos modelos de agricultura e pecuária sustentáveis" que não incentivem o desmatamento, explicou na ocasião o presidente da entidade.

Segundo a WWF, a América Latina foi a região mais afetada pelo desmatamento na última década devido à expansão da agricultura e da pecuária, construção de estradas, mineração e incêndios florestais.

Só em 2020, a floresta amazônica brasileira perdeu 8.426 km2 por causa do desmatamento. O número preocupa especialistas, que questionam a política ambiental de Bolsonaro.

A assembleia do BID, presidida pela primeira vez por um americano, estava inicialmente marcada para março de 2020, mas foi adiada duas vezes devido à pandemia.


AFP/Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!