Religião

15/04/2021 | domtotal.com

Bispos coreanos lançam campanha para imunizar países pobres

Conferência arrecada fundos para países com inadequado acesso às vacinas contra o Coronavírus

Cardeal Andrew Yeom Soo-jung, Arcebispo de Seul
Cardeal Andrew Yeom Soo-jung, Arcebispo de Seul (Vatican News)

"Em solidariedade aos desejos do papa, a Conferência Episcopal Coreana (CBCK) decidiu em sua Assembleia Geral de primavera em Seul, de 8 a 12 de março, lançar uma 'Campanha de Compartilhamento de Vacinas' para apoiar a distribuição de vacinas contra a Covid-19, particularmente em países pobres do mundo inteiro". Com estas palavras, o cardeal Andrew Yeom Soo-jung, arcebispo de Seul, anunciou, durante a Missa do Domingo de Páscoa – relata o comunicado de imprensa arquidiocesano –, a nova campanha de solidariedade, criada para ajudar os que vivem em países de baixa renda e que têm acesso inadequado às vacinas, inspirada na mensagem "Urbi et Orbi" do papa.

A pedido do papa

O cardeal Yeom lembrou que o papa Francisco tem repetidamente solicitado o acesso universal às vacinas e exortado toda a comunidade internacional "a se comprometer a superar os atrasos na distribuição das vacinas e facilitar sua entrega, especialmente nos países mais pobres". "Estamos passando por tempos difíceis devido à pandemia da Covid-19. A crise social e econômica permanece grave, especialmente para os que vivem na pobreza. Porque são os frágeis e os pobres os que mais sofrem quando uma crise ocorre. Portanto – salientou o cardeal –, gostaria de transformar esta crise em uma oportunidade para mostrar nossa solidariedade às paróquias, organizações, congregações ao redor do mundo e dar uma mão aos necessitados".

Arrecadar fundos para vacina para os pobres

O Conselho do Apostolado dos Leigos Católicos de Seul e a CPBC (Corporação Católica de Radiodifusão da Paz) – lê-se na nota – realizará uma campanha de arrecadação de fundos por telefone e produzirá uma canção temática e um vídeo musical para informar e inspirar as pessoas em todo o país.

A iniciativa, aberta a todos que desejarem participar, durará até 27 de novembro, o último dia das celebrações jubilares convocadas pela Igreja na Coreia do Sul para o bicentenário do nascimento de Andrew Kim Tae-gŏn (1821-1846), o primeiro sacerdote católico da Coreia.


Vatican News



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!