Cultura

17/05/2021 | domtotal.com

Brasileira fica em segundo lugar no Miss Universo e fãs lembram Natália Guimarães

Concurso voltou a acontecer após ter sido cancelado devido a pandemia. Julia Gama ficou em segundo lugar e lembrou outra miss brasileira vice-campeã

Mexicana Andrea Meza é coroada Miss Universo 2021, em Hollywood, na Flórida, em 16 de maio de 2021
Mexicana Andrea Meza é coroada Miss Universo 2021, em Hollywood, na Flórida, em 16 de maio de 2021 (Rodrigo Varela/AFP)

A mexicana Andrea Meza foi coroada Miss Universo nesse domingo (16) na Flórida, em uma cerimônia em que a representante da Mianmar denunciou, no palco, o sangrento golpe militar em seu país. Com mais um vice-campeonato, fãs brasileiros reclamaram do resultado e lembraram de Natália Guimarães, que também não faturou o título.

A gaúcha Julia Gama, miss Brasil, ficou na segunda colocação. "Que noite inesquecível, intensa, um mix de emoções que nunca vou conseguir traduzir! Quero que vocês tenham sentido o meu amor no palco! Representar o Brasil foi uma das maiores honras da minha vida", declarou a brasileira. O concurso voltou a acontecer, após ter sido cancelado pela primeira vez, em 2020, devido à pandemia do coronavírus.

Andrea, de 26 anos, terminou em primeiro, seguida da brasileira Julia Gama e da peruana Janick Maceta, em noite de gala apresentada pelo ator americano Mario López e pela ex-Miss Universo Olivia Culpo.

As ex-candidatas Cheslie Kryst, Paulina Vega e Demi-Leigh Tebow (que ganhou o título em 2017) participaram como analistas e comentaristas, enquanto um painel de oito mulheres determinou a vencedora deste ano.

O segundo lugar não era conquistado por uma brasileira desde 2007, quando a mineira Natália Guimarães ocupou a posição. O Brasil só venceu o concurso em 1963, com Iêda Maria Vargas, e 1968, com Martha Vasconcellos.

Sobre a vencedora Andrea Meza, Julia pediu respeito: "eu sei que nem todos estão satisfeitos com o resultado, nem tudo saiu como a gente planejou, mas esse resultado já significou muito para mim. Só quero desejar o melhor para Andrea, que ela viva um reinado maravilhoso. Mesmo que alguns estejam frustrados de alguma forma, quero pedir muito respeito. Que ela faça o melhor com esse título, para ajudar pessoas e dar voz para causas".

Julia Gama conta que já foi estudante de engenharia química e trabalhou como atriz na China, para onde se mudou em 2016 e morou por três anos. Em sua juventude, chegou a participar de campeonatos infantis de patinação artística. Mais tarde, praticou esportes como vôlei, judô e boxe. Em 2010, foi incentivada por uma amiga a entrar no mundo dos concursos de beleza e se inscreveu no A Mais Bela Gaúcha - o qual acabaria participando dois anos depois, em 2012.


Usando um vestido de noite vermelho brilhante, Meza caminhou pela passarela, com lágrimas nos olhos, como Miss Universo pela primeira vez, antes de um abraço coletivo com as demais concorrentes.

Andrea Meza superou mais de 70 candidatas do mundo inteiro nesta 69ª edição do Miss Universo, realizada no Hard Rock Hotel & Casino em Hollywood, no estad da Flórida.

Nos dias anteriores à competição final, a Miss Mianmar Thuzar Wint Lwin, que ficou entre as 21 finalistas, usou seu tempo no palco para chamar a atenção para o golpe de Estado em seu país.

"Nosso povo está morrendo e sendo baleado pelos militares todos os dias", disse ela durante seu vídeo biográfico, no qual mostrou fotos suas participando dos protestos antigolpe.

"Portanto, gostaria de pedir a todos que falem sobre Mianmar", completou.

A representante birmanesa ganhou o prêmio de melhor traje nacional. Nesta parte do concurso, ela apareceu com uma cartaz que dizia "Rezem por Mianmar".

Em 1º de fevereiro, os militares derrubaram a líder civil Aung San Suu Kyi. Desde então, pelo menos 796 pessoas foram mortas pelas forças de segurança, segundo uma ONG local, enquanto quase 4.000 pessoas estão presas.


AFP



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!



Outras Notícias