Brasil Política

18/05/2021 | domtotal.com

Ex-governador de Santa Catarina Casildo Maldaner morre vítima de câncer

Político do MDB tinha 79 anos, governo do estado decreta sete dias de luto

Em mais de 50 anos de carreira política, Maldaner foi vereador, deputado estadual, deputado federal, governador e senador
Em mais de 50 anos de carreira política, Maldaner foi vereador, deputado estadual, deputado federal, governador e senador (Waldemir Barreto/Ag.Senado)

O ex-governador e ex-senador por Santa Catarina Casildo Maldaner (MDB) morreu na noite desta segunda-feira (17) aos 79 anos. Ele lutava contra um câncer e estava internado desde o domingo (16) no Hospital de Caridade, em Florianópolis. A morte foi confirmada pelo estado de Santa Catarina. Em 2018, o político se recuperou de um câncer que afetava o sistema nervoso central. No entanto, há três semanas, Maldaner foi diagnosticado que o tumor havia voltado. Ele passou mal de sábado (15) para domingo e foi levado ao hospital em estado grave.

Nesta terça-feira (18), o governador de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL), manifestou pesar pela perda e decretou luto de sete dias no estado. "Ele teve uma trajetória pública dedicada aos catarinenses e conquistou admiração e respeito de todos nós. Que Deus esteja com todos os familiares e amigos neste momento", publicou o governador no Twitter.

Em nota, o MDB de Santa Catarina lamentou a perda e disse que Maldaner "foi uma das maiores e mais carismáticas lideranças do nosso partido". "Além de suas realizações e conquistas, Casildo será lembrado também pela sua determinação, alegria e força".

O atual presidente estadual do MDB, Celso Maldaner, usou sua conta no Twitter para comentar a morte do irmão. "Foi uma honra e um orgulho ter um irmão como o Casildo, que, além de ter me inspirado, sempre desempenhou o papel de meu conselheiro", escreveu Celso.

O presidente nacional do MDB, o deputado federal Baleia Rossi, também manifestou pesar pela morte de Maldaner. "Meus sentimentos a todos familiares e amigos do grande emedebista Casildo Maldaner", publicou na rede social.

A vice-governadora do Estado, Daniela Reinehr (sem partido), também se pronunciou no Twitter e afirmou que "Santa Catarina está em luto". Segundo ela, o legado de Maldaner está marcado na história catarinense.

O velório acontece na Assembleia Legislativa, das 10h às 13h, e seguirá os protocolos de segurança e prevenção à Covid-19. Na sequência, será realizada uma cerimônia de cremação, no Jardim da Paz, em ato reservado à família e amigos mais próximos.


Agência Estado/Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!